Acabe HOJE com os sintomas que você está sentindo

Síndrome Do Pânico: O Que Fazer Na Hora Da Crise

Ansiedade E A Urina

O que é síndrome do pânico?

A síndrome do pânico é um transtorno que causa ataques repentinos que liberam adrenalina na sua corrente sanguínea. Uma mensagem de medo envia um sinal para as glândulas supra-renais informando que há uma emergência.

As glândulas adrenais são órgãos do tamanho de ervilhas que ficam em cima de seus rins. Elas estão cheias de adrenalina que, quando lançadas em seu corpo, lhe dá a habilidades de reagir à situações de emergência.

Esta resposta de emergência faz com que os sintomas físicos sejam mal interpretados, confundindo-se com um ataque cardíaco ou outras condições físicas graves. A má interpretação desses sintomas faz o medo piorar e continuar.

Veja como funciona

A adrenalina faz com o coração bombear mais sangue. Este sangue extra é bombeado para seus principais músculos para aumentar a sua capacidade de correr rápido e aumentar a força em seus braços. O sangue extra também vai para o seu cérebro para aumentar suas habilidades de reagir à emergência.

Use estas estratégias simples na hora de uma crise de síndrome do pânico e veja os sintomas dissolverem rapidamente…

Leva três minutos do momento que o cérebro envia o sinal de emergência até seu corpo ficar cheio de adrenalina com sangue extra em seus músculos do braço, perna e cérebro.

Nesse período de três minutos você verá seu coração bater forte para bombear o sangue extra que flui por todo o corpo. Enquanto suas glândulas supra-renais continuar a receber uma mensagem de emergência, elas vão continuar a produzir e liberar adrenalina.

Uma vez que seu cérebro parar de mandar sinal de emergência, as glândulas supra-renais cortam a adrenalina em vez de liberá-la.

Leva apenas três minutos para parar um ataque de pânico

Leva três minutos para que suas glândulas supra-renais preencha o seu corpo com a resposta de adrenalina. Leva também os mesmos três minutos para seu corpo parar a reação de adrenalina. Se você parar um ataque de pânico, assim que ele for iniciado, a reação só tem a duração de três minutos.

É muito simples

Parar um ataque de pânico é muito simples. Tudo que você tem a fazer é parar as mensagens de emergência de serem enviadas para suas glândulas supra-renais.

Aprenda estes quatro passos simples e seu ataque de pânico só vai durar três minutos. Depois de entender como funciona, você nunca voltará a ter um ataque de pânico novamente.

Aprenda estes quatro passos simples

Se os ataques de pânico têm sido um problema recorrente, escreva os quatro passos básicos no seu celular.

Deixe os quatro passos fáceis de acessar, e consulte sempre até memorizar os passos e conhecê-los completamente. Estude estes passos e aprenda-os com antecedência.

Se você tiver um ataque de pânico, consulte o texto e siga exatamente.

Se você tiver ataques de pânico com muita frequência, sugerimos que você consulte um médico para resolver a raiz de sua ansiedade.

Os 4 passos:

  • Relaxe.
  • Pare de pensar negativo.
  • Use declarações.
  • Aceite os seus sentimentos.

Veja como:

Passo 1. Relaxe.

Relaxe com lentas e profundas respirações completas. Acalme-se, lembrando que você só está tendo um ataque de pânico e que nada de mais grave está acontecendo com você. Continue respirando fundo e completamente.

A respiração funda irá relaxar o corpo, que é o primeiro passo para reverter a liberação de adrenalina.

Passo 2. Pare de pensar negativo.

Pare de pensar negativo, gritando a palavra “PARA!!!” bem alto dentro de sua cabeça. Ao gritar a palavra “PARA” você está interrompendo a mensagem de emergência que o seu cérebro está enviando para suas glândulas supra-renais.

Muitas vezes as pessoas tendo um ataque de pânico entram em um círculo infinito repetindo os mesmos pensamentos catastróficos em sua cabeça. Interromper esse ciclo infinito lhe dá a oportunidade de substituir a mensagem assustadora por mensagens relaxantes.

Passo 3. Use declarações.

Declarações são afirmações positivas que são no mínimo tão forte quanto os pensamentos catastróficos que estão assustando você. Substitua o pensamento negativo por um positivo. Escolha uma declaração que aborda o pensamento negativo.

Por exemplo, se você acha que você está tendo um ataque cardíaco (um medo comum durante um ataque de pânico), então você pode estar dizendo algo em sua cabeça como, “Ai meu Deus, eu estou tendo um ataque do coração”, ou “Eu vou morrer, meu Deus, eu vou morrer!”.

Depois de gritar a palavra “PARA!”, substitua imediatamente o pensamento de medo com uma declaração positiva que o ajuda a lidar com a situação, como “Estou apenas tendo um ataque de pânico e tudo acabará em três minutos se eu relaxar”, ou “Meu medo está fazendo meu coração bater mais forte, mas ele está bem”.

Se você sentir medo de ouvir passos atrás de você na rua, você pode dizer: “Eu já andei por essa rua centenas de vezes”, ou “Eu ando sozinho na rua todas as noites quando eu chego em casa do trabalho, o que eu ouvi por trás de mim é alguém que está indo para casa do trabalho”.

Outras declarações podem ser: “Eu já passei por esta situação muitas vezes e eu posso passar por isso de novo”, ou “Eu estou bem, está tudo bem”.

Faça um “Brainstorm” dos tipos de pensamentos assustadores que causam pânico em você e, em seguida, faça uma longa lista de instruções que você pode consultar quando precisar, em vez de tentar pensar em instruções no meio de um ataque de pânico.

Nota: Se o seu medo é uma reação a um perigo real, sugiro que você considere fazer novas escolhas que permitam enfrentar seus medos. Se você está preocupado com a sua saúde, consulte um médico.

Passo 4. Aceite os seus sentimentos.

Aceitar seus sentimentos é muito importante.

Seus primeiros passos para superar a ansiedade e pânico estão aqui.

Comece identificando qual é a emoção que você está sentindo. A maioria dos ataques de pânico são causados pela emoção do medo ou alguma variação do medo. Identifique a emoção que você está sentindo e encontre a razão para você sentir isso.

Aceite o sentimento e a razão para isso. Se você está tendo um ataque de pânico antes de dar um discurso, você está com medo, porque isso é assustador. O medo de falar em público é uma causa comum de síndrome do pânico.

Se você tem medo de ter um ataque cardíaco, é completamente normal sentir esse medo. Se você tem medo de passos atrás de você na rua, é razoável ter medo que algo ruim possa acontecer com você.

Em todos estes casos, tome as precauções apropriadas. Faça um check-up com frequência para você ficar ciente de que seu coração está saudável. Ande em uma área bem iluminada e esteja ciente do que acontece na rua.

Ande como um(a) guerreiro(a) e não como uma vítima. Estas são precauções importantes para garantir a sua segurança.

Então, quando você usa uma declaração que o faz lembrar que você fez um check-up recentemente e que seu coração está bem, você vai ficar tranquilo e que não há problema em ter medo, sabendo que você está seguro.

O medo é uma emoção positiva que faz você lembrar de cuidar de si mesmo. Ouça seus sentimentos, cuide bem de si mesmo, e mantenha suas emoções em proporção com a situação, mantendo uma perspectiva adequada.

Muitas pessoas deixaram de ter ataques de pânico depois de aprender esses passos. No entanto, há uma solução mais profunda para resolver de forma permanente seu problema de pânico e ansiedade, dando-lhe total liberdade emocional e felicidade.

Sua mente tem o poder de influenciar significativamente as suas respostas negativas em todas as situações.

Você pode se tornar a pessoa que você escolher ser.

3 comentários… add one

  • Fica livre dese sintrome

  • Fica livre dese sintrome

  • Eu não aguento mais esse medo… :'(

Leave a Comment