Acabe HOJE com os sintomas que você está sentindo

28 Sintomas Da Síndrome Do Pânico

A síndrome do pânico pode ser um transtorno debilitante, com sintomas estão extremos que quem sofre de pânico pode acreditar que está sofrendo com algo muito pior do que um simples transtorno de ansiedade.

De fato, a síndrome do pânico imita vários problemas de saúde sérios, incluindo:

  • Ataques cardíacos
  • Tumores cerebrais
  • Esclerose múltipla

Milhares de pessoas vão parar no hospital todos os anos depois do seu primeiro ou do seu pior ataque de pânico, acreditando que algo muito sério está acontecendo. Às vezes o ataque de pânico é tão forte que a pessoa pensa que vai morrer.

Mas a verdade é que estas pessoas estão simplesmente sofrendo um ataque de pânico, uma avalanche de ansiedade tão extrema que causa sintomas físicos severos.

Acabe com os sintomas da síndrome do pânico em questão de minutos usando estas estratégias simples…

Causas Dos Sintomas Da Síndrome Do Pânico

Uma das primeiras perguntas que as pessoas fazem é porque algo como a ansiedade pode causar esses tipos de sintomas. Afinal, não é a ansiedade que deixa a síndrome do pânico insuportável, e sim as sensações físicas reais que dá a impressão de que tem algo muito errado com sua saúde.

Os ataques de pânico são muito complexos, e suas causas não são totalmente conhecidas. Mas as razões mais comuns que faz a síndrome do pânico causar sintomas físicos incluem:

  • Hiperventilação. A principal causa dos sintomas da síndrome do pânico é a hiperventilação. Ela pode ser causada pela respiração rápida, respiração profunda ou rasa. A hiperventilação é tanto uma causa quanto um sintoma da síndrome do pânico.
  • Estresse extremo. Os ataques de pânico representam um estresse extremo. O estresse extremo faz seus hormônios ficarem desequilibrados, aumenta seus batimentos cardíacos, causam náusea e muito mais.O estresse pode pressionar os órgãos, afetar a respiração e causar um grande número de sintomas físicos.
  • Psicossomático. Alguns sintomas são simplesmente causados pela mente. Não é totalmente claro como a mente causa estes sintomas, algumas pessoas esperam por um sintoma, e acaba sentindo, enquanto outras pessoas descobrem que seus cérebros simplesmente criam os sintomas durante o ataque, mas estes sintomas não tem causa física direta.

Finalmente, outro problema que afeta pessoas com síndrome do pânico é a hipersensibilidade. Isso ocorre quando você passa por uma sensação normal, ou quase normal, e essa sensação “parece” ser muito pior.

Por exemplo, experimentar uma quantidade normal de dor na perna, mas parece que sua perna foi cortada. Isso é comum em pessoas com síndrome do pânico.

Sintomas Dos Ataques De Pânico

Os ataques de pânico podem causar sintomas incrivelmente estranhos. Algumas pessoas não consegue engolir, ou tem a impressão de que a língua foi engolida.

Outras pessoas sentem como se suas pernas ou braços querem se movimentar involuntariamente. Estes não são os sintomas mais comuns, mas ainda podem afetar pessoas com síndrome do pânico.

Porém, os sintomas mais comuns incluem:

Sintomas de um ataque de pânico - Infográfico

Sintomas de um ataque de pânico – Infográfico

Quer mostrar este infográfico no seu site?

E Uma Lista Detalhada Com 28 Sintomas da Síndrome do Pânico:

  • Palpitação no coração ou batimentos cardíacos acelerados
  • Pressão no coração ou sensação de estar sendo pressionado
  • Dores no peito, geralmente pontiaguda e perto do coração
  • Ondas de calor e suor
  • Dificuldade de respirar, como se você não conseguisse puxar todo o ar
  • Tontura e sensação de desmaio
  • Dificuldade de pensar, como se seu cérebro não estivesse funcionando corretamente
  • Fraqueza, queimação, dormência ou formigamento nos braços, pernas e mãos
  • Dificuldade de ficar de pé
  • Queimação por toda a pele
  • Sensação de estar prestes a morrer, ou que o mundo está prestes a acabar
  • Dificuldade de se concentrar em qualquer outra coisa além dos seus sintomas
  • Sensação de precisar fugir ou de uma ambulância
  • Dificuldade de ouvir, como se o ouvido estivesse entupido ou zumbido no ouvido
  • Arroto, inchaço ou outras formas de gases.
  • Sensação de precisar expandir o peito
  • Mudanças nas vistas e na claridade
  • Medo avassalador
  • Despersonalização ou sensação de estar fora de si
  • Náusea, geralmente com dor ou desconforto no estômago
  • Pressão na cabeça, possivelmente com dor de cabeça
  • Dificuldade de segurar a cabeça
  • Sensação de precisar ir ao banheiro

Nem todo mundo passa por todos esses sintomas a cada ataque de pânico. Além disso, sentir esses sintomas não quer dizer que um ataque de pânico está prestes a acontecer, mas estes são alguns dos sintomas mais comuns que podem acontecer durante um ataque.

Outros Sintomas Da Síndrome Do Pânico

Outros Sintomas Da Síndrome Do Pânico

A síndrome do pânico não causa ataques de pânico apenas. Ela também causa outros sintomas que podem ocorrer a qualquer momento durante o dia.

Estes sintomas não são necessariamente parte de um diagnóstico de síndrome do pânico, mas eles podem ocorrer se a pessoa já sofre de síndrome do pânico:

  • Medo do ataque de pânico. Muitas pessoas têm medo constante de desenvolver mais um ataque de pânico. Em alguns casos, este medo pode na verdade causar outro ataque de pânico.
  • Agorafobia. Agorafobia é quando sua síndrome do pânico é tão grave que você começa a ter medo de sair de casa. Geralmente as pessoas recebem o diagnóstico de síndrome do pânico “com” ou “sem” agorafobia.
  • Ataque de pânico com sintomas limitados. Isso é quando você começa a sentir alguns dos sintomas da síndrome do pânico, mas eles nunca se desenvolvem até um ataque completo. Pode ser que você parou o ataque com sucesso ou ele simplesmente não se materializou.
  • Sintomas de estresse. A síndrome do pânico coloca tanto estresse no seu corpo que não é incomum sentir vários sintomas do estresse no decorrer do dia. Isso inclui dores nas pernas, fraqueza nas pernas, fadiga, um pouco de náusea, entre outros.
  • Ansiedade com relação à saúde. Como um ataque de pânico parece ser um problema de saúde, muitas pessoas desenvolve a ansiedade em relação à saúde. Elas começam a se convencerem de que algo está errado, e começam a pesquisar os sintomas na internet e marcar consultas com mais frequência do que o necessário.

A síndrome do pânico também pode causar sintomas da ansiedade generalizada quando nenhuma ansiedade está presente. Isso geralmente contribui para a ansiedade em relação à saúde, consequentemente deixando você mais propenso a sofrer ataques de pânico.

Livre-se hoje mesmo de TODOS os sintomas sabendo exatamente o que fazer. Descubra aqui.

Considerações Importantes Sobre Os Sintomas Da Síndrome Do Pânico

É sempre uma boa ideia falar com seu médico se você está preocupado com alguma coisa na sua saúde.

Só um médico poderá assegurar que seus sintomas não são causados por algo mais sério do que a síndrome do pânico. Porém, é importante considerar o seguinte:

  • A sua reação piora os ataques. A maneira como você reage aos ataques de pânico podem piorá-los. Procure formas de se distrair para não pensar muito no pânico.Pode ser difícil fazer isso, mas as distrações não vão deixar seus próprios pensamentos e reações amplificarem sua síndrome do pânico.
  • Não declare como certo que você está prestes a ter um ataque. Quando você sentir um sintoma, lembre-se que os sintomas não criam o ataque automaticamente. Os sintomas podem ser causados pela ansiedade generalizada, respiração ou até mesmo por nada.Porém, se você assumir que um ataque de pânico está a caminho quando você sentir um desses sintomas, você vai na verdade aumentar a probabilidade de ter um.
  • Você não morre por causa de um ataque de pânico. É especialmente importante lembrar que um ataque de pânico não vai matar você. Você não consegue morrer de ansiedade.Isso é importante porque você tem que aprender a não ter medo dos ataques se quiser superar sua síndrome do pânico. Se você tentar ao máximo evitar os ataques, você provavelmente vai ter um porque você estará sempre pensando neles.Se você aceitar que você tem síndrome do pânico e continuar com sua vida normalmente, ficará mais fácil superar a síndrome do pânico.

Os sintomas da síndrome do pânico podem ser assustadores, e se não for tratada, sua síndrome do pânico pode dominar sua vida.

É possível se livrar desses sintomas, usando estratégias desenvolvidas especialmente para eliminar os sintomas físicos e mentais específicos da cidade e da síndrome do pânico.

Você sente 4 ou mais dos sintomas listados acima? Quais?

269 comentários… add one

  • Boa noite!
    Já fiz consultas com: Angiologista, Neurologista, Cardiologista, Gastro e agora com a Reumatologista. Todos os os exames que fiz deram normais: hemogramas, exames dos choquinhos, diabetes, tomografia da cabeça, rx da coluna, ultrassonografias, eletro e ecocardiograma…. No entanto, de um ano pra cá, sinto diariamente: sensação de desequilíbrio, esquentamento nos pés, formigamento nas pernas, dormência nos braços, mãos, pernas e pés (quando durmo), apertos e esfriamentos na cabeça, dores nas costas, coluna e pescoço, estalos e espasmos musculares e ocasionalmente uns choques no pescoço que me levam a crer que tenho no mínimo Esclerose Multipla.

  • Olá fredson. Estou na mesma situação que você. Ja passei por todos os medicos e nao deu nada em nenhum, mas de uns dias pra ca comecei a sentir desequilibrio, tremores e minha vista ficou estranha, também acho que tenho esclerose. Provavelmente não é, mas nao consigo tirar da cabeça.

  • Pareço que tenho sintomas de esclerose…apesar de eu sentir todos os sintomas do panico há anos….depois dos 50 anos, minhas pernas adormecem, formigamento parecem que vão paralisar..ficam rígidas….acordo com elas duras e dormentes…muito assustador, com intensa fadiga , fraqueza nas pernas e braços…mesmo sem ter um ataque tradicional

  • Amigos não parece ser esclerose multipla, acusa umas pintinhas na ressonancia magnética, e esclerose multiplas causa muitas dores musculares e paralisias que ultrapassam 72 horas ou mais

    Verifiquem se voces tem muitos gases e alivia quando voces expelem, tanto arrotos ou intestinais, pode escesso de gas carbonico no organismo provocado pela hiperventilação , provocando parestesias periféricas e do sistema nervosos central causand0 formigamentos, espasmos, contrações e dormencias e até uma situação parecida de tetania

    Outra possibilidade é a aura da enxaqueca sem dor de cabela ou com uma dor bem minima de cabeça após a aura. Causa dormencias, formigamentos também, podendo dar sensações parestésicas de calor, ardencia ou frio. Veja nste site

    http://www.enxaqueca.com.br/blog/sintomas-enxaqueca-alem-dor-de-cabeca/

  • belo artigo. Obrigado

  • Ja fui ao medico ele e me passou fluoxetina , ja faz 1 mes que estou sentido esse problema , tenho sintomas : medo de morrer , enlouquecer , perde o controle batimentos rapidos , dor atras da cabeça , pensamentos negativos , castrastrofico , cansaço , nausea , tonturas isso começou a perda de minha irmã , separaçao … tomei p remedio passou alguns sintomas , mais o efeito acaba rapido mais vai da tudo certo ! Obg pelo artigo… ! 😉

  • Sinto 6 ou mais sintomas desses sintomas mas o que mais me pertuba é a dor no peito e sensacao de infarto é muito grande,comecou quando eu perdi meu avô ele infartou nos meus braços,desde então nunca mais fui o mesmo isso ocorreu eu tinha 15 anos, mas tem uns 2 anos que os sintomas da sindrome do pânico ficou pior,ja fui varias vezes para hospitais sem resultados dormindo a base de rivotril,mas com fé em Deus e essa ajuda de vcs estou conseguindo esquecer um pouco dessa coisa que nao desejo para ninguem! obr pelo artigo!!

  • OLA AMIGOS TIVE DEPRESSA E SINO DO PANICO FIZ TRATAMENTO A 4 ANOS TENHO MUITA ANSIEDADE MAIS TA VOLTADO TUDO DE NOVO ESTOU SENTINO MUITO GASE ARROTOS E FICO ANTADO PELA CASA INTERA DOR NO PEITO FICO AFIRTA COM MEDO DE MORRE

  • Olá, eu tenho 17 anos e tenho esses sintomas desde os 14, que foi quando passei por um problema emocional muito forte, mas consegui superar. Porém, agora, ao passar por uma situação dez vezes pior que a anterior, os sintomas vieram triplicados.
    O que mais me assusta é a despersonalização, essa sensação de que nada é real é a pior de todas. Fiz exames, tenho problemas na articulação temporomandibular e já estou tratando, mas de uns tempos pra cá a ansiedade e o estresse tem piorado a situação. Estou passando por muitos problemas emocionais, muito estresse escolar e na fase de vestibulares, minha vida está um caos. Estou tomando florais, mas não tem muito efeito… O que eu posso fazer para vencer a ansiedade?

  • Eu estou em tratamento para SP a seis meses, sentia todos os sintomas como taquicardia, diarreia vomito tonturas medo de morrer, mas senti um sintoma q nao vi em nenhum depoimento. Os sintomas começaram com uma agitaçao no corpo eu nao conseguia ficar parada, eu tinha q ficar andando, as pernas ficavam inquieta, sentia uma agitaçao dentro do meu corpo como se fosse explodir, me sentia como uma garrafa de refrigetante quando è agitada. Sera q esses sintomas tambem è da SP ?

  • Sofro com a síndrome ,fiz tratamento em 2008 com psicólogos e remédios e esses ano começo a desencadear novamente a síndrome , esto mas controlada dos medos… Mas eu tenho sempre as crises

  • Olá… Eu tenho 25 anos, e a alguns anos eu passei a desenvolver algumas fobias, principalmente d répteis, e eu achava q era um medo bobo e foi aumentando cada vez mais… Daí junto desses medos começou a dar tbm umas crises d pânico q parecia q me tomava d uma certa forma q eu iria até morrer, é um medo maior q eu q chega a me sufocar e eu não me reconheço, não consigo ver nada e nem ninguém e só enxergar aquele medo… É como se eu tivesse em outra dimensão… E a dois dias eu tive uma crise dessas d pânico das grandes… E durou cerca d 30min… E quando parou eu fui dormir e quando eu acordei no dia seguinte q foi ontem aliás, eu acordei c dor d cabeça, um pouco d desconforto, confusão mental, ataque cardíaca, cabeça pesada, formigamento na cabeça, falta d ar, tontura, vontade d vomitar, olhos irritados, mãos frias e tremulas, corpo cansado, tremedeira nos lábios do lado esquerdo, coceira nos ouvidos como se tivesse algo lá dentro, sensação d q fosse desmaiar, sono, falta d apetite e desânimo… E todos esses sintomas diminuíram mas ainda hj dois dias depois ainda existem… O q será q eu posso fazer? Será q isso tdo q eu estou passando pode ser sintomas d SP? Tenho mto medo d q acabe acontecendo algo d pior comigo… Na verdade ando tendo medo d tdo!!

  • Comecei ter alguns sintomas dos quais nao conseguia ficar parada…tinha q ficar andando sem parar e taquicardia calafrios…medo de nao conseguir ficar parada…….agitaçao extrema….mas tenho essas crises de vez em quando…..uma vez por ano…..seria a sp ????

  • Olá galera, sou mais um relato de crises de ansiedade e SP, queria primeiramente dizer que apesar de tudo é confortante ver os relatos e saber que não sou a única que passa por isso, com sentimentos exatamente iguais, é muito bom saber que não estou sozinha! Mas enfim.. Ontem mesmo, tive uma crise, que ultimamente estão acontecendo com frequência, os sintomas se mantém todos os dias, mas a crise só as vezes! Mas quando sinto os sintomas já fico com medo de ter a crise o que piora ainda mais a situação! Sinto muita falta de ar, fraqueza, tremores que enrijecem meu corpo tornando ainda mais difícil a respiração, formigamento nas mãos e pés, zumbido no ouvido e quando levanto fica tudo preto, já fiz vários exames e vira e mexe estou no hospital, lá eles já até me conhecem, pois só me sinto segura se saber que tem um médico ou alguém que vai me ajudar por perto, todos os meus exames sempre saem normais, pois sempre acho que estou tendo ou infarto ou um AVC, e não sei vocês, mas sempre os médicos olham achando que é frescura da sua parte, pois está tudo “normal” fisicamente, e eles não entendem o meu lado o que me deixa muito incomodada, parece que isso nunca vai passar! Eu tenho além de tudo TOC que desenvolvi depois de um trauma aos 14 anos, desde então faço tratamento com psiquiatra e com psicologa, eu estava indo bem, tinha melhorado muito, mas nesses últimos meses parei de frequentar a terapia por questão de tempo, estava trabalhando e fazendo faculdade, o que além de aumentar em extremo minha ansiedade, me causou um retrocesso gigante com coisas que já tinha superado! Vi algumas pessoas dizendo sobre e inquietação no corpo, como se quisesse sair correndo e seu corpo por dentro estivesse mega agitado, também sinto isso, e é terrível! O pior de tudo é que sou fumante e apesar de fumar pouco sempre culpo o cigarro e acho que vou infartar por conta disso, e não consigo parar… Sempre busco na internet sintomas pra saber no que eu me encaixo e de cara ou aparece Síndrome do Pânico ou Ataque cardíaco, onde eu entro em desespero, pois os sintomas simulam várias doenças, e não consigo desfocar a atenção dos sintomas, fico apenas tendo pensamentos negativos mesmo sabendo que tudo isso é “besteira”, vou voltar a terapia pois precisei sair do emprego, pois estava passando mal lá e ele me gerava mais estresse ainda, foi uma sobrecarga! Agora eu tenho medo de sair de casa, pois acho que se eu sair vou ter a crise em algum lugar e ninguém vai poder me ajudar o que aumentam os sintomas! Bom já falei demais, dentre outras tantas coisas que sinto, é horrível passar por isso, e fico pensando porque isso existe? Mas companheiros, desejo forças a todos nós para superarmos esse mal que não desejo nem pro meu pior inimigo, precisamos ter força e por mais difícil que seja enfrentar esse “peso”. Hoje faço psicologia e espero ajudar muitas pessoas cujo passam coisas semelhantes a mim, ou até diferentes. Desejo uma boa recuperação a todos nós, pois não é qualquer um que agüenta essa situação! Força guerreiros.

  • Eu me sinto péssima. Parece que o mundo vai acabar ou pelo menos é isso que eu quero… Meu corpo dói, meu ouvido fica tampado vez ou outra e as vezes nem escuto direito, sinto formigamentos, visão turva. Tambem já fui a reumatologista e nada. Será que eu estou mesmo doente ou é só medo de perder o direito de ir e vir sem problema nenhum pra me impedir? Socorro!

  • Boa noite,estou com praticamente os mesmos sintomas,mas estou tratando com médico homeopata e ortomolecular, os efeitos dos remédios são ótimos e rápidos apesar das pessoas acharem que não dá resultado, com crises a uma semana já estou bem melhor e tenho certeza que com o que estou tomando já já passa,fica a dica controle tudo isso com esse tipo de médico

  • Ola pessoal…eu tenho tido os mesmos sintomas descritos por todos e neste artigo há mais ou menos 1 ano. O que me afeta mais é pensar a todo instante estar passando mal, achando que estou infartando ou tendo qualquer outro problema cardiaco. Formigamentos nas mãos, dores e queimacoes no peito das mais diversas. Também ja fui ao cardiologista ano passado, fiz eletro, ecocardio e teste de esforço e como esperaado não deu nada! Os pensamentos negativos vem a todo instante, como o medo de morrer e isso tem me afetado todos os dias, mesmo eu tendo uma vida que eu considero excelente e que não deveria me trazer estresse algum! Enfim, acho q todos devem relatar seus problemas como forma de mostrar aos demais que não estão sozinhos! Vou procurar inicialmente osteopata e homeopata, acredito muito no poder de tratamento deles!

  • Olá pessoal! Estou achando Q estou com a síndrome sinto todos os sintomas, tenho mt medo de morrer, mede de dar os ataques em público, sinto dificuldade pra respirar constantemente aí me desespero! Sou mt ansioso nervoso e mt preocupado com tudo! Sinto taquicardia dificuldade pra respirar formigamentos dores no corpo, desânimos pra tudo! E o ruim é que mt gente não entende o que passamos, nas farmácias eu sou conhecido já, costumo ir em hospitais diferentes pra investigar tudo ! Não comecei com medicamentos mais estou indo em uma psicanalista!

  • Tenho 30 anos e sofro de SP 1ano na minha primeira crise achei mesmo q iria morrer pois havia 3 dias q minha filha tinha nascido e eu nunca tinha sentido nada fui parar no hospital com falta de ar e um sensação horrível de aperto no peito, depois fiz vários exames cardiológicos e nada aí foi q eu comecei a ler muito sobre o assunto e isso me ajuda muito até hj, sinto muito medo de ter alguma doença e só de saber q alguma pessoa morreu inesperadamente eu já passo mal, até hj eu só fiz uso da fluoxetina e maracujina tbm me acalma. Sou uma pessoa temente a Deus e creio q ele sempre está comigo, oro e isso me ajuda, sempre q ouço alguém falando de problemas dessa natureza eu conto minha história pra q essa pessoa saiba q vai passar e q não está condenado a morte pois eu me sentia assim.

  • 🙁 oi pessoal! Sou uma jovem de 19 anos que passou a infância tratando de um tumor benigno na perna esquerda… Eu vi coisas demais eu desenvolvi pânico e ansiedade… Agora enquanto eu escrevo eu to me sentindo tonta e meio enjoada e a respiração meio pesada eu tenho medo de morrer e me sinto fraca também como se eu fosse desmaiar e nao acordar mais eu preciso saber se existe um meio de acabar com isso

  • Olá Arilda! vi seu comentário e o de algumas pessoas acima e vim dar meu depoimento para ver se consigo ajudar você ou alguem que sofra com a síndrome do pânico apenas contando minha experiência e como eu passei por isso. Tive sintomas de síndrome de pânico no ano passado após passar por algumas mudanças na minha vida e estresse, etc. Creio que a síndrome do pânico é ocasionada por muitos fatores, mas principalmente porque nos cobramos de mais emocionalmente. Mas não se preocupe porque, como disse o artigo, ninguém morre disso, é apenas uma reação de ansiedade extrema.
    Os sintomas que eu sentia era: falta de ar, às vezes sensação de suador e coração batia mais rapidamente. Além disso eu tinha a sensação que tinha que sair depressa daquele lugar ou algo poderia acontecer, e às vezes só de sair e caminhar já voltava ao normal. Só fui buscar ajuda de médico quando os sintomas começaram a ser frequentes (três vezes ao dia, sendo que começou com 1 vez por mês mais ou menos) e minha garganta secava tanto que a sensação era que eu não poderia engolir nem a saliva direito. Eu saia de casa com uma garrafa de água na bolsa, mas comecei a ficar com medo de me afogar tomando água rsr e incrivelmente um dia quase me afoguei tomando água (pra vcs verem o que o cérebro é capaz de fazer), foi quando resolvi buscar ajuda. Eu pó precisava saber o que estava acontecendo.Ai está a chave. Meu medo era ter algum problema mais grave como problema do coraçao ou algo do tipo, mas logo na primeira consulta o médico disse prontamente que se tratava de síndrome do pânico e me deu vários exemplos de pessoas que passam por isso e que tomam remédio para diminuir os sintomas. Eu estava prestes a viajar com umas amigas e isso me trazia muita insegurança, pois achava que eu poderia ter crise no meio da viajem. O médico me recomendou um remédio tarja preta pra “emergencia” caso eu sentisse algo na viajem, porém eu disse que não queria tomar remédio algum e perguntei se poderia me curar apenas com tratamento psicológico e tals. Ele disse que era mais díficil, porque alguns sintomas são “involuntários” mas poderia amenizar e dependia de cada pessoa. Porém não me conformei, já que li a bula do remédio e vi que corria risco ate de chegar ao coma se tomasse em excesso ou se o corpo reagisse de forma diferente. Conversei também com uma psicóloga sobre isso, sobre o fato de eu querer me tratar sem medicação e ela me disse o seguinte: – se vc acha que pode conviver com isso, que você pode superar os medos sozinha, vc pode continuar levando sem remédios, mas é importante ter um acompanhamento psicológico. Também me explicou que era pior ficar desviando sempre as situações que me causavam medo, pois eu poderia desenvolver o “medo do medo”, por exemplo eu sempre sentia esses sintomas dentro de ônibus fechado, eu poderia ligar esse medo ao fato de o ônibus estar lotado, e criar um pânico de” gente” ou relacionar este medo com outras coisas, como o fato da janela estar fechada (que era o que eu estava tendo.). Ela tambpem me explicou que o pânico tem várias fases e que eu estava no inicio, portanto era mais fácil de curar, mas que tem gente que vai avançando e acaba nem saindo de casa. Perguntei se tinha alguma atividade que eu poderia fazer para amenizar os sintomas e ela me deu dicas como: exercícios físicos, dança, atividades que desestressam e diminuir a carga no trabalho ou na faculdade..Depois dessa conversa, eu já tinha consciência do meu problema e já sabia o que fazer: desestressar e superar meus medos. Uma conversa com meu tio, que é médico também me ajudou muito. Eu perguntei se ele achava que eu deveria desmarcar a viajem ou ir mesmo assim e ele me incentivou a ir! e disse que era muito importante que eu enfrentasse meus medos, não de uma forma perigosa, mas aos poucos. Por exemplo, se vc tem medo de ir a um show com muita gente e tem pânico disso e sempre evita porque acha que vai passar mal, procure ir no show (se pra vc for importante), porém fique perto da saída de emergência, não precisa ficar lá na frente. Parece bobo, mas esse conselho também foi muito importante. Eu decidi viajar sim, mas ao invés de ir com pessoas que eu mal conhecia, eu resolvi ir com minha irmã e um amigo e isso me deixou mais segura. Durante a viajem eu não levei remédio, mas sabia que minha mente era meu guia e já tinha lido tudo a respeito e já estava me controlando melhor, mas não 100 por cento. Sei que eu consegui viajar e não tive nenhuma crise, quando ela ameaçava vir eu conversava com minha irmã, mudava o foco e confiava em mim, sabia que era algo que estava na minha mente e sendo assim, eu tinha controle disso. Sei que não posso generalizar e cada caso é diferente, mas acreditem que vocês podem se curar sim, cada um do seu jeito. O meu foi mais ou menos assim. Vou fazer um resumo do que fiz nesses dias que me ajudou bastante, espero que ajude vcs também.

    -desestressar (diminui a carga de matérias na faculdade, conversei com minha chefe e resolvi uns problemas que estavam me incomodando, fiz aula de dança, massagem relaxante contra estress-funciona!)
    -conversar (conversei com amigos, parentes, procurei saber sobre o assunto e também vi alguns vídeos sobre psicologia no youtube. Recomendo os vídeos do Arly Cravo que fala sobre diversos assuntos e te ajudam a se conhecer)
    – meditação: você não precisa saber muito sobre o assunto, mas tem vários vídeos que ensinam técnicas de meditação e músicas relaxantes, é só procurar o que mais te agrada. Se não curtir, eu creio que se você somente escutar músicas relaxantes e positivas isso ajuda muito, afinal existe gente que estuda musicoterapia, então deve fazer sentido sim.
    -rir: procurei me distrair com coisas bobas e tentar não levar as coisas tão a sério. Para mulheres indico a Jout Jout prazer no youtube e por incrível que pareça ela me ajudou pois conversa sobre vários assuntos de forma muito descontraída e às vezes é o que precisamos..ver algo engraçado para desestressar.
    – caminhadas. Não to falando pra você forçar nada, mas um passeio no parque de vez em quando faz diferença!
    -ter fé, rezar (se vc for religioso)
    – aceitar que você tem o problema e acreditar que vc pode se curar! e não pensar nas crises anteriores, evitar..na verdade imagine q vc nem sabe o que é isso..e viva a vida como uma pessoa normal..é dificil, mas não é impossivel.

    se não conseguirem, ai sim busquem ajuda..cada pessoa precisa de algo diferente, eu só precisei saber o que eu tinha e confiar na minha cura.

    fiquem com Deus!

  • Eu sinto isso já vai fazer 3 anos, eu sinto como se fosse enlouquecer , sinto muito medo de morrer, sinto muita falta de ar e as vezes fico até meses dentro de casa com medo de sair na rua e passar mau sozinha,e quando eu vou no medico e eu não gostar do atendimento dele vou em outros mesmo o primeiro médico estando serto, tenho um medo absurdo de morrer, o que eu posso fazer ? tem cura pra isso? preciso muito saber pq já está afetando até meu casamento pq as vezes eu tô alegre mas do nada me bate uma raiva , um cansaço sendo que geralmente não faço nada de mais.desde já agradeço

  • Oi pessoal sou uma joven de 19 sofro com isso desde de outubro sinto como eu fosse morre sinto enjou dor de cabeça formigamento no pé e na mão calafrio tremendeira minha mente fica bloqueada é uma ansiedade muito grante…..tenho muito medo quando isso mi ataca

  • Boa tarde galera! Alguém aqui teve ataques de raiva???

  • eu tenho 21 anos e estou começando a ter esse sintomas qual ajuda procurar?

  • Olá meu nome é Janaina. Há algum tempo sofro com estes sintomas descritos acima. Mas agora se intensificaram e tenho tido ataques frequentes. O que eu tenho a dizer a vocês é que se apeguem com Deus. Meditem na palavra, orem, coloquem músicas ” DEus está aqui”, ” Oceanos”, ” Maranata” etc.
    Creiam na cura divina, Ele é médico dos médicos. Fiquem na paz!

  • Olá meu nome é Renata, tenho 23 anos. Ha uns 4 anos atrás senti quase todos esses sintomas quando fui violentada pelo meu ex namorado, a um ano atrás meu irmão faleceu em um acidente e meu trabalho é muito estressante pois trabalho em telemarketing, e constantemente sinto que a crise intensificou, sinto fraqueza nos meus braços e pernas, aperto no peito, sensação de tristeza, vontade de ir ao banheiro, anoite as vezes não durmo ou quando durmo acordo assustada, enjôo, minhas mãos suam, me dá um calafrio, sempre que vou para um lugar distante fora da cidade (centro) fico com medo, pois é distante do hospital, sinto muito medo de sentir o que estou passando, me ajudemmm

  • Boa noite a todos! Vim parar aqui de uma forma curiosa. Ontem após terminar meu serviço de casa e um pouco mais que inventei, senti uma forte dor do lado esquerdo que parecia nas costelas, não conseguia identificar. A dor foi ficando insuportável a ponto de não conseguir ficar em pé. Meu esposo sentou-me na cadeira, mas não conseguia ficar sentada e fui deitando no chão, me encolhendo e ao mesmo tempo o braço esquerdo dormente. Uma forte dor de cabeça, náusea e impotência respiratória. Sabia que não era um AVC, mas não sabia o que era. Não tenho medo de morrer, mas tenho pavor de hospital. Sofro de depressão desde os 19 anos de idade, hoje tenho 52. Sou bipolar, sociopata, sofri com várias tentativas de suicídio, tenho pouquíssimos amigos e já estou cansada de viver chapada para tentar melhorar minha saúde. Vim pesquisar o que era ataque de pânico na tentativa de entender o que houve comigo ontem. Ainda não cheguei a nenhuma conclusão. Vou esperar para conversar com meu psiquiatra. Já fui examinada pelo avesso e meus exames sempre saem normal, a não ser problemas de artrose, artrite, hipertireoidismo e fibromialgia (rss).Também tenho bruxismo diurno a ponto de quebrar dentes e ter que usar mordedor (não sei se isso vem da ansiedade). Penso que somos aquilo que deixamos a vida nos transformar. Eu me transformei num lixo. Enfrentei situações na vida emocional que não desejo a nenhum ser e não fui forte o suficiente para me livrar delas. Mas é melhor encarar as doenças psicológicas ao invés de tentar fugir delas dizendo que não existem.

  • Nossa, como é bom ler esses comentários e saber que tem mais pessoas que estão sentindo as mesmas coisas que eu. Eu tive SP quando tinha uns 18 anos, hoje com 36 após o término de um relacionamento bem traumático comecei a tê-los novamente. Tem sido horrível, pois tenho que viver me dopando, tomo ansiolitico antes de sair de casa pela manhã, com medo que tenha a crise no meio de trabalho. E não me sinto à vontade para comentar que estou tendo um ataque em frente aos meus alunos. Está sendo muito complicado, hoje irei numa terapeuta para começar tentar vencer isso. Todavia, não consigo imaginar sair de casa sem um ansiolitico no bolso. Talvez já esteja até ficando dependente desses, mas é a única coisa que tem ajudado momentaneamente.

  • Olá pessoal. Tive síndrome do pânico por três anos até 2011 e agora voltei a sentir os sintomas novamente. como é terrível, porém agora consigo me controlar mais. Tenho sintomas de formigamento, batimento cardíaco muito rápido as vezes, Dores no peito e sensação que vou desmaiar. Mas estou superando, tentando vencer esta luta tão árdua e difícil. Se precisarem de ajuda, conte comigo e podem me mandar email e falar via waths no 94789-2652. Estou a disposição e creia que vamos vencer!

  • Ola pessoal..

  • To passando pelo mesmo problema.Como seria bom se pudessemos nos comunicar sempre. O que acham?

  • Eduardo. Sua situação é identica a minha. Sentimos exatamente as mesmas coisas,incrivel pq eu achava que so eu era assim.

  • Olá pessoal, desde 2008 tenho sintomas,todos os dias,dores no peito,sensação de desmaio, cabeça rodando, da vontade de sair correndo.

  • Nossa eu tive sindrome d panico cm 17anos foi quanto acordei um dia derrepente cm muinto medo fiz muinto fomito nao conseguia m equilibrar qualquer lugar que eu fosse eu tinha um ataque nossa foi muinto ruim nao conseguia ficar em nenhum emprego .perdi meu primeiro marido mas ai nao conseguia contar pr niguem fui mi controlando sozinha .tentando m controlar sem procurar um medico hoje estou cm 26 sempre tenho ataques d fobia palpitaçao dormencia tontura choque dentro da minha cabeça mas sempre consigo mi controlar

  • Ola tenho SDP desde dos 23 anos esse ano de 2016 faço 47 e ainda não me curei aprendi a conviver mas é muito difícil explicar um abraço a todos !

  • Oie!

    Nossa, como foi bom encontrar esse site. Já fui diagnoaticada com SP, mas parei o tratamento. Acho q faz dois anos q parei. Agora há um ano vivo no hodopital cada dia com uma coisa. Ñ aguento mais!!! Sinto tudo isso e agora estoy encanada q tenho EM. Ñ consigo dormir, já parei d comer… é muito ruim sentir tudo. Marquei com um Neuro agora tirando oftalmo… pq sinto muitas coisas! Coisas q aqui ñ foram sitadas mas em outroa sites sim. Foi bom saber q algumas pessoas tb achavam q tinham EM e é SP.
    Preciso d ajuda e pessoas p conversar, pq as pessoas com quem falo parece me achar louca pq vivo doente. Como poderiamos fazer o conversarmos?

  • Ola tenho mais ou menos 10 dos sintomas ai citados…. Sao horriveis…. Fiquei principalmente evitando certos ambientes que me dao essas crises… Fiquei assim apos uma separaçao muito traumatica… Quero muito me livrar disso pois me tem atrapalhado muito minha vida social

  • Olá, tenho 22 anos, e de uns tempo prá cá estou sofrendo com isso, antigamente eu saia com minhas amigas ia pra festas com muitas pessoas, agora não consigo mais, sempre quando vou em algum lugar até mesmo no supermercado e esta cheio de gente fico nervosa e com medo de dar a crise e faço tudo rápido para sair de lá. não consigo mais nem andar de ônibus com medo que algo ruim possa acontecer, minhas crises não são fortes mais muito incomodas. quando fico assim, fico sem paciência não consigo falar nem enxergar direito, meu coração dispara, e tenho tremores pro corpo inteiro. estou tentando eu mesma me curar, procuro mudar meus pensamentos, ouvir musica para esquecer, e dá certo!!!
    Já fiz vários exames, mais saem todos normais, mais essas sensações, são horríveis. Quando percebo que vou tem uma crise, eu fico pensando que isso não existe e que vai passar, fico quieta e logo passa!!! Existe um tratamento para a cura da sindrome do panico?

  • Sinto vários sintomas desses. MUITO DORES No CORPO TODO ,DORMÊNCIA nas mãos e pés . queimacao no corpo dores nas articulações falta de ar enjôo tonturas na mesma hora q estou bem mudo de humor.Aperto na garganta como se estivesse sendo apertada.Perdi a alegria de brincar com os amigos filhos marido .Tá difícil mas Foi muito bom ….Estou esquecendo até de lembrar nomes pessoas coisas sensação de desmaio. QUE LOUCURA E ESSA .MAS SEI QUE TUDO QUE VIVEMOS SEMPRE E PARA APRENDER NÃO SOMOS NADA SEM DEUS E A ELE PEDIMOS MISERICÓRDIA PARA TODO OS MALES DO CORPO E DA ALMA .TUDO EM OS OS MEDICOS QUE O SENHOR CAPACITOU para nos ajudar mesmo ele sendo médicos dos médicos …Bora pessoal fazer mais orações pessoais caminhada amizade e nos momentos difícil fé força e confiança em Deus não há situação que dure para sempre vai passar .ABRAÇOS AOS AMIGOS E AOS NOSSOS MEDICOS ABENÇOADOS .

  • Oi tenho também síndrome do pânico ansiedades, já fiz um monte de exame e não deu nada , já faz 3 anos mim sinto muito mal muitas vezes . Mais controlo . As veses não sei o que faser .

  • Olá, amigos! Alguém sabe me dizer se é normal sentir as dormências e queimações (nas mãos, pés, lábio) somente no lado DIREITO?

  • Bom dia pessoal!
    Tenho 44 anos, e a 2 anos atrás após o falecimento de minga mãe, comecei a ter sintomas estranhos. Eu estava de férias em Cabo Frio, e derrepente fiquei com uma crise de falta de ar horrível, como se todo ar que eu respirasse não conseguisse entrar em meus pulmões. A sensação era como se o peito fosse expandindo . Eu fiquei desesperada, e entrei no carro, liguei o ar condicionado, e a sensação era realmente que eu iria desmaiar, tremedeira, e desrealizaçao, como se eu tivesse saído fora de mim, irrealidade, resumindo a sensação mais horrível da minha vida.
    Como eu já tinha lido sobre síndrome do pânico, vi que eu tinha que lutar contra os sintomas dentro da minha mente. Foi então que conseegui pensar em Deus ,e briguei comigo mesma dizendo palavras como: Você não tem nada, eu estou e sou perfeita tenho muita saúde, Obrigada meu Deus! A crise demorou meia hora, mas graças a Deus me restabeleci da crise. Depois tive outra crise pois sou hipocondriaca, mas desta vez tive a crise em um consultório médico, e graças a Deus o médico me indicou uma psicóloga muito boa que trata a síndrome do pânico com TERAPIA COGNITIVA, foi o que me ajudou a descobrir a origem dos meu sintomas. Fiz o tratamento durante 1 ano, e posso afirmar que hoje sou uma pessoa muito melhor, sem crises de pânico ! A psicóloga me ensinou a entender que o pânico é algo que tem origem na mente, você deve dominar seus sintomas acreditando que não vai morrer disso porque os sintomas de aceleração do coração, falta de ar, tremedeira, é nada mais que o cérebro enviando mensagens preparando o seu corpo para uma reação de luta e fuga. Esses sintomas herdamos do passado, onde o ser humano tinha que estar sempre atento para o perigo. Por isso essas reações. A melhor maneira de vencer a síndrome do pânico é na verdade saber que isso é uma reação normal de proteção que a mente criou para fugir de uma determinada situação, ou seja do perigo. Mas felizmente quando algo sai do controle, o seu próprio organismo reage a seu favor, restabelecendo inteiramente a função. Espero ter ajudado!
    Fiquem com DEUS!

  • Oi! Tenho 13 anos e tenho 8 tipos diferentes de sp. Tudo começou ano passado, quando eu passei por um engasgamento, eu não respirava, não ouvia, eu me sentia voando e pensei que eu iria morrer, mas meu pai me salvou. Depois disso, tudo normal. Eu comia normalmente, nem pensava que iria acontecer alguma coisa. Duas semanas de passaram, eu e meus pais fomos em um churrasco. Como de costume, eu fiz um pão com carne, comi uns dois pedaços, quando eu fui engolir o terceiro pedaço, eu senti que eu não conseguia engolir, mas eu me esforcei e consegui, mas a sensação que eu tive foi a mesma daquele dia em que eu havia me engasgado. Apartir daí, começou tudo. Eu queria engolir saliva o tempo todo e eu não conseguia, eu tomava goles de agua para me ajudar, mas isso era tudo coisa da minha cabeça. Nesse mesmo dia, na hora de dormir, eu tive a minha primeira sp. Eu me sentia pesada, com o corpo duro, coração acelerado e tomando agua para engolir a saliva. Eu virava e me rolava o tempo todo na cama, até que chegou uma hora que eu pensei que ia morrer, pq eu me sentia MUITO pesada, eu chorava pq eu não sabia o que tava acontecendo e eu achava que eu ia infartar, com 12 anos. Meus pais me levaram ao hospital, quando fui atendida, eles disseram que isso era tudo coisa da minha cabeça e o que eu tava tendo era uma síndrome do pânico, eles me deram um remédio faixa preta e eu dormi por uma hora na sala de observação, mas sempre acordava. Os dias iam se passando e eu fui ao psicólogo e ao psiquiatra. Eu ganhei um remedinho, e isso me ajudou muito, me curou. O problema, é que foram surgindo outras “crises”, eu sinto dificuldade para respirar e fico expandindo o pulmão sempre que eu me lembro que respiro, eu sentia náuseas e vontade de pôr pra fora o tempo todo, sintomas de infarto, sentimento que a minha garganta ta inchada e vai bloquear minhas vias aéreas, sinto um desconforto do lado esquerdo do corpo quando eu vou dormir pq eu fico “sentindo” meu coração bater, mais outras que eu não tô me lembrando agora e que se manifestam raramente. Atualmente a que mais me encomoda é a da garganta, hoje de madrugada acordei e fui tomar agua, parece que deu uma trancada lá como se tivesse algo impedindo de passar tanta quantidade de agua e dei uma leve afogada. Eu fiquei com medo de dormir pq pensava que se algo estivesse inchado, poderia inchar mais e eu morreria sufocada. Tomei meu remédio para alergias pq eu pensava que poderia ser de alguma coisa que comi, mas não sou alérgica a nenhuma comida. Teve uma hora que eu peguei no sono então eu nem sei como combati. Eu só lembro de ter feito alguns exercícios de respiração que aprendi com a psicóloga, acho que ajudou e me fez relaxar. Para quem quiser saber e fazer também, é só respirar tudo o que conseguir (com o nariz), segurar por 7 segundos e inspirar devagar pela boca. Isso ajuda a combater a raiva e o estresse também. Enfim, desejo sorte para nós que sofremos com a sp, isso não é barato e nem fácil. Beijos!

  • Olá pessoal, tenho todos os sintomas faz uns 8 anos e tem dia que é melhor outro pior, tem ano que não tenho quase nada. Tenho algumas dificuldades para viver porém sei que existem coisas piores. Não quero isso pra mim e espero que como um passe de mágica um dia acabe. Tenho um filho e fico pensando nele. Que coisa né.
    Beijos, abraços e muita força pra todos nós!

  • Tenho síndrome do pânico a 16 anos. Javtomei muitos calmantesve antidepressivos, mais o único q controla bem é o rivotril 2mg. Mais depois de tantos anos com esse calmante soube q ele com o tempo faz a gente ir perdendo a memória gradativamente ?
    Socorro isso é verdade?
    Por favor me ajudem estou desesperada

  • Boa noite,estou desesperada,já tive sindrome do pânico fiz tratamento,já conheço os sintomas mais hoje não to conseguindo me controlar, começei a sentir uma entalação horrível minhas pernas começaram a ficar fracas e meu coração acelerar,e já não sei se é pânico ou algo mais sério. Me ajudem por favor não mais o que fazer estou pensando em ir ap pronto socorro mais estou com vergonha,parece que ninguém acredita no que a gente sente,as pessoas só sabem falar que somos fracas e que não temos força de vontade tem dia que penso em desistir,não aguento mais conviver com isso. O que mais passa na minha cabeça é a palavra E SE NÃO FOR ISSO. Sou casada, tenho 2 filhos maravilhosos e um marido super companheiro e isso me deixa mais triste e culpada por sentir essas coisas me ajudem.

  • Meu irmao tem 22 anos e sempre foi diferente, minha mae nao tinham dinheiro pra cuidar da saude dele, e meu pai nunca quis acreditar que meu irmao tinha algum problema de saude. Depois que cresceu se recusava a ir ao medico, e até hoje nao sabemos o que ele tem.
    Apos a morte da minha avó ele passou a ficar mais cuidadoso comigo e minha mãe, chegando até a assustar. Por exemplo, sempre que saio com meus amigos, se eu nao chegar em casa no horario determinado por ele, ele começa a surtar, achando que morri, ou algo horrivel aconteceu comigo. Incomoda minha mãe pedindo pra ela me ligar pra voltar pra casa, e isso tem atrapalhado muito minha vida, pois estou fazendo faculdade e só saio nos fins de semana, e geralmente nao tenho hora pra voltar.
    Mas esse não é o caso.. Meu irmao resolveu entrar para a igreja evangelica há uns meses, e desde então os pesadelos dele aumentaram (esqueci de comentar que ele fala dormindo), e ele passou a reclamar de dor no peito, e coração acelerado, entre outros sintomas. Isso acontece uma vez por semana.
    Sinto que ele fica impressionado com o que vê/ouve lá e fica um pouco assustado. Quem não ficaria assim ao ouvir o tempo inteiro que vamos morrer, sem a esperança de que podemos fazer algo bom, que a vida mesmo curta ela pode ser boa.
    Enfim, pesquisei os sintomas que ele tem, e bateu com a sindrome do panico. Faremos alguns exames nele essa semana para ver o que pode ser…

  • Boa tarde, eu sinto todos esses sintomas, mais os que mais me encomoda é uma agitação incontrolável que tenho, sempre tenho que tá fazendo algo ou mechendo em alguma coisa, a falta de ar que eu tenho todos os dias e um medo terrivel de morrer, as crises parou de me dar depois que comecei tomar anafranil, mais os sintomas do dia a dia não param!

  • Gostaria de falar pra Gislaine Moura que eu também passo pelos mesmos sintomas: uma extrema agitaçao no corpo…..parece que ” tudo se mexe por dentro de forma agitada”….também sinto vontade de andar…andar…..tenho 51 anos e isso começou ao 25…de repente do nada. Hoje faço terapia!

  • Oi fabiana vii o seu depoimento .espero que quando vc entrar nesse saite vc leia esse recado ainda a esperanca faca uma campainha em proposito da sua vida que deus ti dara. A solucao creia nisso.leia tambem salmo91 Deus ti dar vitoria

  • ola

  • Tbm tenho esses mesmos sintomas, tô sofrendo muito

  • Ola
    tbem estou em tratamento por causa do sdp, tomo remedio paroxitina faço aconpultura e isso ajuda muito e florais tbem

  • Para todos voces,
    Sofro de crises de panico desde os 24 anos (tenho 55) e desde outubro minha ansiedade aumentou muito e entrei nesse processo muito doloroso da SP.
    Levei 15 anos para aceitar que tinha a doença, fora que os médicos tb não detectavam e a gente passa por louca.
    Sou psicologa e li bastante a respeito e não podemos nos culpar por termos esses sintomas, são efeitos fisiológicos provocados pela ansiedade descontrolada e cá entre nós o mundo de hoje nas grandes cidades é um grande estimulo a isso. Toda vez que tomo os remedios por um ano fico bem e desisto da medicação, mas basta algo sair do eixo que volta tudo, e sempre os mesmos sintomas, dor no peito, sensação de morte iminente calafrios tremedeiras confusão mental. Há oito anos que não tinha uma crise forte, mas em janeiro 2016 ela veio como nunca e fui parar no hospital. Infelizmente por conta dessa doença desenvolvi hipocondria e me impressiono com qualquer sintoma ou resultado de exame. Decidi voltar ao psiquiatra para recomeçar o tratamento, mesmo já estando tomando o frontal e a fluoxetina. Um medico que me atendeu na emergência disse para eu tentar outra medicação com o psiquiatra, pq hoje tem remédios mais modernos para controlar mais rapidamente a crise. Nesses 4 meses ja emagreci 7 kilos porque minha ansiedade me tira a fome assim como a fluoxetina. Nunca fiz yoga, mas dizem que a respiração ajuda a controlar a ansiedade. Pretendo utilizar medicamentos mas depois passar para a hoemopatia para controle. Não se sintam culpados, infelizmente algumas pessoas nascem com a produção de algumas substancias insuficientes e geram esses problemas fisiológicos que os leigos chamam de frescura. Não temos culpa de nosso cerebro reagir assim frente as pressões conscientes e inconscientes. Vamos buscar saídas, inclusive espirituais, pq isso nos fortalece a lutar. Boa sorte a todos

  • Olá, a 6 meses atrás estou sentindo dificudade para engolir, emagreci 5 kg, e tenho ataques de pânico. O q fazer ?

  • Pooo. Amigos quase agora tive uma braba de mais e tá osso sinto quase todos esses sintomas a 5 meses aí do nada vai passando, e eu fico muiiito focado nisso e acaba dando toda hora… Fico me cobrando tudo vou pra faculdade se alguém falar de morte ou algo do tipo passo mal isso pode ser síndrome

  • Ola pessoal eu tenho 40 anos. Eu Acho que Quando eu senti o sitomas de pânico eu tinha uns 20 anos. Passei Uma fase dificiel Na Minha vida. Com aperto Na garganta. Dor no peito e falta de ar. Eu fui ao medico fiz um raiox do coraçao estava normal. Ao longo dos anos passaram fiquei bem. Agora parece que tudo voltou. Eu sinto os mesmo sitomas. Fiz hemograma de sangue completo antes de receber o resultAdo Ja colequei Na Minha mente que no exame iria acusar doença graves. Quando eu recebi estava tudo normal. Diabet. Stifles. Hepatite,hiv, colestetol, tudo normal. Graça a Deus. Ai vem a falta de ar. Aperto Na garganta pensando que algo de ruim Vai acontecer comigo. Ando desanimada Pra tudo. Voltei ao medico. Ja fiz dois eletrocardiograma. Deu normal. Ja nao sei o que faço. Ja marquei outra consulta com cardiologist Vou fazer Uma ultrason do coraçao. Para ver Se tem algo. Ja nao acredito no eletrocardiograma. Tem Dias k eu sinto bem. Outros sinto mal. So Deus possa me da Uma luz ?

  • Ola pessoal eu tenho 40 anos. Eu Acho que Quando eu senti o sitomas de pânico eu tinha uns 20 anos. Passei Uma fase dificiel Na Minha vida. Com aperto Na garganta. Dor no peito e falta de ar. Eu fui ao medico fiz um raiox do coraçao estava normal. Ao longo dos anos passaram fiquei bem. Agora parece que tudo voltou. Eu sinto os mesmo sitomas. Fiz hemograma de sangue completo antes de receber o resultAdo Ja colequei Na Minha mente que no exame iria acusar doença graves. Quando eu recebi estava tudo normal. Diabet. Stifles. Hepatite,hiv, colestetol, tudo normal. Graça a Deus. Ai vem a falta de ar. Aperto Na garganta pensando que algo de ruim Vai acontecer comigo. Ando desanimada Pra tudo. Voltei ao medico. Ja fiz dois eletrocardiograma. Deu normal. Ja nao sei o que faço. Ja marquei outra consulta com cardiologist Vou fazer Uma ultrason do coraçao. Para ver Se tem algo. Ja nao acredito no eletrocardiograma. Tem Dias k eu sinto bem. Outros sinto mal. So Deus possa me da Uma luz ?

  • Uns dias depois do falecimento da minha mãe pensei que fosse morrer em casa,coração acelerado,suores,vista embaçada,parecia uma queda de pressão,fiquei desnorteada.Até que aconteceu de novo aferi a pressão e estava ok. Comecei a ter arrepios,formigamentos na cabeça,sensação de estar parando de respirar,parecia que eu havia parado..medo de desmaiar,morrer,enlouquecer,sentia meu braço fraco e me sentia tonta,alguns sintomas não estavam ligados à crise,tinha o dia inteiro,fui a médicos cardiologista,gastro e neuro,exames ok! Parei no psiquiatra que me receitou alguns remédios e eu não tomei. Agora um novo sintoma às vezes parece que não vou conseguir engolir a comida 🙁 isso tudo acredito eu que seja devido à uns sintomas de doença que li,minha mente é traiçoeira,lá vou eu procurar médico e parar no psiquiatra de novo. Não sei vcs mas tenho pavor a filas,fico muito tonta e inquieta .

  • Esqueci de dizer tenho 31 anos.

  • Oi Nathália estou do mesmo jeito. … Qual a doença que vi viu ou leu sobre ela?

  • Tive minha primeira crise com 35 anos, entrei no tratamento com remédios fortes e fiquei boa. As vezes sentia alguma coisa mas me controlava.parei de tomar meus remédios que já não eram tão fortes faziam 8 meses. Em janeiro 2016 começou tudo de novo agora bem pior com sintomas muito piores , tenho uma filha e um marido maravilhoso e fico sempre preocupada com eles, pq minhas crises parecem constante , eles me olham com do e sem muito o que fazer. Já estou medicada de novo , mas ta demorando muito para melhorar , da primeira vez foi mais rápido o efeito dos remédios. Tenho medo do medo que e a pior coisa, medo de não conseguir dormir mesmo tomando remédios para dormir acordo no meio da noite e não sou ninguém no dia seguinte. Pior que sinto um desconforto no estômago e fico querendo achar que já estou com outros problemas tipo gastrite , mas acredito que esse desconforto possa ser da própria crise por conta do suco gástrico, queria uma palavra de conforto. Tipo que o remédio vai me fazer efeito tenha calma. Tipo alguém já teve essa dificuldade de achar que não vai parar.

  • Olá Guiomar , eu fico assim quase todo dia. Mas temos que ter fé em Deus de que isso vai passar. De uns tempos pra cá venho sentindo coisas diferentes como se minha perna fosse ficar fraca elas parecem que estão tremendo. ….
    É umas coisas que não sei explicar muito bem,eu começo a sentir tipo uns calafrios sei lá começando pelas pernas e chega no estômago.
    Não sei direito nem explicar o que eu sinto ,e quando eu tô bem eu entendo de é tudo causado pelo Pânico. , mais quando estou do jeito que estou agora só penso coisas ruins. , é uma medo de não ter síndrome do pânico e sim algo pior é mais sério. Só sei que é horrível e desesperado suplico a Deus todos os dias por Misericórdia. E assim tento levar um dia de cada vez. Uns melhores e outros piores . Mais um de cada vez.

  • Tenho quase todos os sintomas, mas o que mais me incomoda é a tontura. Tenho aparelho de pressão em casa e geralmente minha pressão é 12/8 mas quando dá a tontura e vou medir a pressão já está em14/10 chegando as vezes em 16/10… Aí começam todos os outros sintomas: coração dispara, aperto no peito, tontura, a lingua fica estranha, o corpo todo pesado e fraqueza nas pernas e braços… Quando a crise passa meu corpo dói e fico com uma fraqueza enorme! E a cabeça leve, parece que tenho um balão no lugar… Meu médico sempre diz que é da ansiedade… Já fiz terapia e melhorou, mas estes últimos meses tem sido difícil… Agora perdi o apetite (somado aos outros sintomas…) E por mais que tentamos por na cabeça que é tudo da SP, não temos sucesso e ficamos frustados e cansados! Que Deus nos ajude e nos liberte disso tudo nos tornando pessoas felizes e saudáveis!

  • Bom dia tenho esses mesmos sintomas, fui em um cardiologista o mesmo me receitou escitalopram…..desde de que, comecei tomar não tive mais crises…..

  • Oi pessoal, Tive uma adolescência muito traumática acredito que devido a isso tenho essas crises de ansiedade, me sinto muito mal ja acordei na madrugada varias vezes com dor de cabeça, coração disparado, falta de ar… sem fala e nos tremores durante o dia.
    Quando estou em crise tento ficar o tranquila e dizer a mim msm que logo isso vai passar, procuro tbm na net sobre esses sintomas pra ver se me encaixo em algum deles. Tenho apenas 23 anos sofro muito com isso, já fui várias vezes no hospital mas sempre dizem q está tudo bem. Mas msm assim não fico tranquila e pesso pra Deus me proteger e me livrar desse mal.

  • Oi pessoal, Tive uma adolescência muito traumática acredito que devido a isso tenho essas crises de ansiedade, me sinto muito mal ja acordei na madrugada varias vezes com dor de cabeça, coração disparado, falta de ar… sem falar nos tremores durante o dia.
    Quando estou em crise tento ficar o tranquila e dizer a mim msm que logo isso vai passar, procuro tbm na net sobre esses sintomas pra ver se me encaixo em algum deles. Tenho apenas 23 anos sofro muito com isso, já fui várias vezes no hospital mas sempre dizem q está tudo bem. Mas msm assim não fico tranquila e pesso a Deus que proteja e me livre desse mal.

  • Bom dia, estou na Itália ha 2 meses e tenho pânico de sair de casa, a língua me assusta, as pessoas, tenho pavor dos policiais, e os ataques de saudades da família s tornam mais frequentes, sinto as vezes q meu coração vai parar, sinto calor excessivo junto c mto suor nas axilas, mesmo estanto em uma temperatura mto baixa, o suor aumenta qdo saio de casa q pra mim é o fim…tenho medo d estar sofrendo um ataque de pânico…os formigamentos no braço esquerdo são direto…estou c insônia desde q cheguei…penso q é a saudade q está m fazendo sentir isso tudo…

  • Olá gente!

    Há anos tenho sintomas terríveis, e agora que estou gestante tive que suspender a medicação. O pior é que o medo de morrer me persegue, aperto no peito, aperto na garganta, aceleração no coração que vai pra garganta, agora estou com dormência na perna, peito e braço esquerdos, fiz há dois anos todos os exames cardíacos e estava tudo bem, mas já estou querendo fazer tudo de novo pois acho que vou morrer do coração, por favor gente me ajudem, fique desesperada e principalmente agora que meu pai está fragilizado com câncer e vendo a situação dele todo dia e eu sem poder fazer nada, eu e nem ninguém humanamente falando; só Deus!

  • Sou de MG, tenho 18 anos e sofro de ansiedade e síndrome do pânico desde 2011. De todos os sintomas, digamos que só 2 eu não sinto, mas o resto vem com muita força. Passo diariamente por stress familiar e emocional em relação à escola e amigos, e creio que minha ansiedade desencadeou por causa disso. Os sintomas da ansiedade estão sempre presentes na minha vida, mas uma vez ao ano eu tenho crises que acho que vou enlouquecer. Já fiquei até um mês doente sentindo aperto no peito, costas, suítes a noite, acordo assustada e sem ar, pressão na cabeça, ânsia de vômitos e dificuldade para comer na frente das pessoas, medo andar sozinha, medo de ser assaltada a qualquer momento, estou sempre em estado de alerta, muito cansada e com uma fadiga enorme. Parece que todos os problemas do mundo caíram nas monjas costas. Só quem tem ansiedade e SP entende, não é frescura, não é coisa de pessoa mimada. Mas além do psicológico, o que mais me deixa aflita são as dores físicas. Já desevolvi miopia por causa de uma crise HORRIVEL que tive em outubro de 2014. Só queria desabafar mesmo. Hoje estou em tratamento médico e tomando anti depressivos e calmantes, mas espero um dia poder viver sem eles. Grande abraço.

  • Gislaine souza tb tive sp e tb sentia essa inquietação. Mas passou um tempo depois que comecei o tratamento.

  • Já tem 2 anos que sinto uns desses sintomas, tenho medo de sai sozinha e quando vem alguma visita aqui em casa sinto muito mau começo à treme à Suá frio e começo à ter ataque cardíaco que parece que vai saí pela boca, e não consigo mais resolver nada. Já fui ao medico e ele passo uns exames para mim fazer. Eu quero melhora para consegui trabalha e fazer minha faculdade de nutrição para isso eu tenho que sara.

  • Eu sinto alguns sintomas acima, só não vir os sintomas dores no ouvido, e fadiga! Antes era minha garganta que pensava que tinha câncer, depôs foi para meu ouvido, penso muito em câncer e infarto, tenho medo demais.
    As dores no ouvido esquerdo e constante junto com a fadiga. O que eu faço gente? ?

  • Olá pessoal! Tenho 22 anos e a mesma coisa eu sinto… Dor no peito parece que to tendo um infarto … Dor no braço falta de ar e monte de pensamentos negativos… Eu já fiz um monte de exames e todos graças a deus deram normais… Quando eu sinto isso parece que vou morrer… E tão ruim isso… Eu não queria senti isso não! Mais se deus quiser eu vou me cura disso!

  • Prioritariamente agradeço a criação desse site uma vez que, nos dá a condição de desabafo e termos contatos com pessoas que sofrem do mesmo mal.
    Tive minha primeira crise da SP há mais de 20 anos. Até então, nunca havia sentido nada. Estava almoçando e a comida ” entalou” … fiquei desesperada e mesmo depois de ter conseguido engolir, a sensação permaneceu fazendo-me ficar andando apressadamente dentro de casa e sentindo sensaçāo de morte iminente . Foi terrível! Desde então passei a ter crises. Tive que me licenciar do trabalho para fazer tratamento com “tarja preta”. Após quase um ano me senti “livre”. Lêdo engano… um dia, de repente tive nova crise e que ficaram frequentes, sendo preciso andar com uma garrafinha de água para onde fosse. Me sentia segura. Contudo ñ sentia tds os sintomas aqui descritos. Apenas alguns. Mas sempre sendo usuária de Alprazolan, deixando de usar Fluoxetina. Estava indo bem até que em 2014 perdi a minha mãe. A depressão veio de maneira galopante me derrubando…em seguida a SP me atacou de uma maneira tão abrupta que hj sinto tds os sintomas. Ja fiz tds os exames possíveis e imagináveis e minha saúde física para os meus 71 anos, está dentro fos padrões. Me trato com a psiquiatria e agora tbm com a psicologia, tbm com Geriatria, Cardiologia, Neurologia e Ortopedia…nada que me leve a ter nada grave. Mas nada me convence. Estou mto mal.

  • Cont.
    Estou tendo crises seguidas. Agora a pouco tive uma. É uma luta intermitente ente a razāo de conhecer a doença e o psicológico. TENHO A CERTEZA QUE Ñ ESTOU MORRENDO, MAS OS SINTOMAS QUASE ME ENLOQUECEM…
    Li os depoimentos e entendo a cada um. Esse mal é terrivel, só que o tem é que entende.
    Tenho encontrado conforto nas orações e nas músicas relaxantes. Existem vídeos esotéricos com exercícios e ajuda.
    Sabemos dos nossos dramas, não nos deixemos derrubar.
    Orar, conversar com Deus é o melhor caminho.
    DEIXO UMA ORAÇÃO QUE TEM ME AJUDADO

    ORAÇÃO DOD 7 ARCANJOS

    ORAÇÃO AOS SETE ARCANJOS

    Eu (fale seu nome) determino ao Universo que minha vida seja de fluidez e de Luz

    Que os sete Arcanjos da presença possam estar junto de mim, me equilibrando, harmonizando e trazendo Luz e força para a minha vida.

    Peço a Miguel que me defenda com sua força e que meus inimigos não possam me alcançar, que meu coração me alerte dos perigos e minha alma repouse em suas asas me trazendo força e equilíbrio para os momentos de turbulência.

    Que Rafael me proteja em minha saúde e nos meus pensamentos, para que minha mente se encha de sabedoria e discernimento e eu possa aceitar aquilo que não posso mudar, que entre em minha vida um amor verdadeiro e leal, que minhas amizades sejam purificadas e fique na minha vida quem realmente faça parte.

    Que Gabriel equilibre meus sentimentos e me ensine a força do perdão, que sua trombeta me anuncie coisas novas, abrindo caminhos entre as águas turbulentas, me arrebate em suas asas quando a traição se aproximar e que seus lírios sejam o anuncio das boas novas que estão entrando em minha vida.  

    Que Uriel me proteja com seu escudo e seu fogo sagrado, me abrindo o caminho da prosperidade, da materialidade.

    Grande Anjo do trono de Deus e Força Mágica esteja comigo no meu caminhar e me ensine o desapego e o poder que existe na renovação.

    Que eu esteja protegido pelos quatro cantos, acima e abaixo, que os que me são queridos estejam sob suas asas e que os Sagrados seres de Luz estejam sempre comigo de dia e de noite me protegendo e guiando, intuindo e me dando sabedoria, amor, garra e coragem para trilhar a minha missão e um dia estar diante do Trono do Altíssimo.

    Glórias e Louvores sejam dados a cada momento

    Ao Santíssimo e digníssimo Sacramento (3X)

    (autor desconhecido)

  • Em 2001 tive um estresse muito forte. E horas depois indo para a faculdade comecei a sentir alguns sintomas relacionadas a ansiedade. No dia seguinte não consegui sais do quarto, e vontade de chorar. Alguns dos sintomas estavam no meu ver estava relacionados ao neurologista. Durante a consulta me explicou que eu estava num quadro de “ANSIEDADE PAROXÍSTICA EPISÓDICA” ou SÍNDROME DO PANICO e que área da Medicina mais indicada era a PSIQUIATRIA E A PSICOLOGIA COMPORTAMENTAL. Utilizei vários medicamentos até que encontrei dois com menos efeitos colaterais, o RIVOTRIL E O PONDERA. Na época o psiquiatra me deixou na esperança que em 3 meses estaria controlada os sintomas e poderia seguir a minha vida. Este ano de 2016 fará 15 anos que convivo com a doença. Ou seja num dos pontos os psiquiatras estavam certos os medicamentos eram apenas um paliativos e o que complementava a melhora do meu quadro era a Terapia Comportamental. Os psiquiatras alegam que este quadro comigo se tornou cronico. Consegui diminuir alguns sintomas quando estou passando pelo quadro do Panico, mas vivo com limitações de não sair sozinho, evitar ficar muito nervoso. O que sei mais ainda não consegui e que a cura estar dentro de mim, e eu tenho que encontrar e achar para poder ficar bem. Termino dizendo por conviver neste quadro a mais de 15 anos, cada caso e um caso. Jamais percam as esperanças. 26/03/2016 – Brasilia-DF

  • Tenho tudo isso e mais um pouco todo dia o melhor vivo com a mao no peito e vivo com a certeza que vou morrer

  • Todos os dia e luta pra mim todos os dias tenho fincadas no coracao. N consigo fica quieto tomo remedio pra dormi ja fiz varios exames o unico problema que deu meu colesterol bom ta baixo medico diz que posso fica tranquilo mais mesmo assim acho que vou ter.um infarto a qual quer momento alguem ai me ajuda

  • Olá…
    Esse artigo é maravilhoso e ao mesmo tempo me fez chorar muito.
    É muito difícil imaginar que tudo o que sentimos é algo da nossa mente.
    Vivo com esses sintomas a mais ou menos 3 anos.
    Tive minha filha e comecei a sentir uma agonia na cabeça que nao passava de jeito nenhum, uma agonia que não tinha como explicar, uma pressão, umas fisgadas, ai depois começou uma tontura, mas uma tontura estranha também, mal definida, que ficava 24 horas por dia, da hora que acordava a hora que dormia, ai resolvi fazer exames de sangue completo e uma tomografia, e o resultado deram tudo ok, nada…absolutamente nada. Fiquei arrasada, pois acreditem, no fundo queria que desse algo para eu puder tratar…
    Ai comecei a sentir dores no peito, fisgada e eu só tenho vontade de arrotar, muitas gases e pela milessima vez fui para a emergencia, e chegando lá fazendo todos os exames deu nada e meu médico veio até a mim e me disse que eu sofria da Sindrome do pânico…eu sinceramente ri, ri por que é real o que sinto, massss ele me passou diazepam e me recusei a tomar..
    Me mudei esse ano para outro estado e tive uma crise aqui, a dor no peito e acordei as 5 da manhã louca desesperada e fui parar na emergência e chegando la depois de todos os exames dando tudo normal,eles me disseram que poderia sem Sindrome do pânico, chorei muito e falei que já tinha sido dignosticada na cidade que tinha vindo…me deram diazepam e na veia tbm.
    Eu lendo os relatos de cada um me vi um pouco …
    sinto uma tontura que não passa, vivo com ela a 3 anos, é um desequilíbrio fraco,uma náusea, e eu só penso que posso ter tumor na cabeça.
    É HORRIVEL VIVER ASSIM…EU JÁ DESEJEI TER ALGO PARA REAL PARA SER TRATADA.
    Tenho 32 anos..
    obrigada pelos relatos de cada um…me ajudou muito..bjs

  • Boa tarde,estou sofrendo com esse pânico ha 2 anos meu deus,é horrível parei de fazer tudo oq gostava só vivo em casa não saio pra lugar nenhum não sinto nem fome por causa da falta de ar tenho 21anos eu dou muito trabalho pra minha mãe com isso, fico ligando pra ela todo dia passando mal falando q vou morrer tenho uma filha de 2 aninhos e fico muito triste porq eu não consigo nem sair pra passear com ela o pai dela q tem q passear com ela no final de semana, parei até de trabalhar pq eu dava muito ataque no serviço, e não consigo nem ter relações com meu marido pq meu coração acelera muito e fico com medo de morre na quele nomento ele já nao,tem mais paciência cmg.
    SÓ QUEM SENTE SABE O SOFRIMENTO
    Q É, MAIS DEUS É MAIOR, DO QUE ISSO
    TUDO NA VIDA PASSA…..
    BJS…..

  • Ja passei por muitas crises de panico,e com isso desenvolvi todos os tipos de ansiedade,a algum tempo atras me sentia como se eu nao estivesse no comando dos meus pensamentos,parecia qui estava fora do meu corpo,eu me observava de outro lugar fora de mim,ia ate lugares voltava e nao sentia emoçao nenhuma no que pude observar e por experiencia propria essas doenças piscologicas limitam muito nossos sentimentos bons ,o nosso modo de pensar totalmente distorcido da realidade nos faz crer que isso sera eterno,e todo dia quando acordamos os nossos pensamentos automaticos ja nos ligam com esse mal,essa ideia de que pode ter alguma doença grave ja esta enraizado em nossos pensamentos nos fazendo crer que estamos a beira da morte ,essas doeças sao todas do espirito vc nao esta em paz com o seu interior com sua alma ,essa asiedade esses sentimentos ruins medos angustias depressoes todos ligados a sua alma ,tem cura mais a pessoa nao pode se deixar abater eu sei qui essas crises sao muito assustadoras, mas pense quantas vezes ja aconteceram ,e vc esta vivo ainda ,entao se fosse alguma doença grave vcs nem tariam aqui deichando seus depoimentos nos estarimos mortos ,na minha concepiçao durante o tratamento dessas piscoses eu acredito que isso nos deixa mais fortes,maduros e inteligentes.. todos vao se curar e so ter força e. Fe em Deus …

  • Que situação horrível a que passamos, choro todos os dias com medo que isso seja enterno.
    Há uns anos atrás meu irmão foi diagnosticado com SP, sempre achei que ele estava fazendo isso para “aparecer”, “chamar atenção da família”, mas só depois que comecei a ter vi o quanto é difícil, meu Deus!! Os sintomas começaram de forma totalmente suportável, com uma leva falta de ar e com uma sensação de “bolo” na garganta, até que tive minha primeira crise forte. Estava eu na faculdade assistindo uma aula, como todos os dias, até que senti uma figada no peite, na mesma hora achei que estava infartando, levantei e sai da sala foi quanto a tontura e formigamento tomaram conta de mim, fui para na emergência e fiz eletro, nada… Depois dessa crise tive mais 3, a ultima mt forte, acordei às 4 da manhã com meu coração super acelerado, e depois dela venho sentimento sintomas diariamente como náuseas, tontura, vista embacada, desconforto no estimogo, dor de cabeça…. Tenho 20 anos e não consigo mais levar uma vida normal. Acredito em Deus e sei que ele pode nos curar

  • OLA SOU A ANA PAULA, ESTOU PASSANDO POR ISSO TAMBEM..
    VCS SENTI QUEIMACAO DO PEITO ,
    TENHO MEDO DE MALHAR,TRABALHAR,SAIR COM MINHA FAMILIA. E UMA COISA HORRIVEL…NAO AGUENTO MAIS TENHO ISONIA.

  • OLA SOU A ANA PAULA, ESTOU PASSANDO POR ISSO TAMBEM..
    VCS SENTI QUEIMACAO DO PEITO ,
    TENHO MEDO DE MALHAR,TRABALHAR,SAIR COM MINHA FAMILIA. E UMA COISA HORRIVEL…NAO AGUENTO MAIS TENHO INSONIA..

  • sinto moleza fraqueza en onibus de transporte coletivo sinto calafrios e desmaios

  • Oi meu nome é Nathalya tenho 18 anos desde dos 15 anos tenho síndrome do pânico,sofro demais com isso ,minhas mãos e pés estão sempre suando e frios ,pensamentos ruins e que vou ter um AVC ou um infarto ou alguma doença ruim,não consigo estudar e me concentrar mais,todo dia passo mal cada dia um sintoma diferente ,meu ouvido até tampa ,tem hora pareço que estou fora da realidade que não tenho controle e um bolo na minha garganta e parece que não consigo respirar,corpo mole ,não me sinto segura em nenhum lugar ,já tive crises muito fortes que sentia meu batimentos até na cabeça, e formigamento nas mãos e pés ! Essa doença é horrível e ontem perdi meu cunhado entrei em estado de choque ,essa doença atrapalha minha vida não aguento mais 🙁

  • Olá tive minha primeira crise de SP em 2011 e desde então a vida tem sido um turbilhão de sintomas e uma busca incansável pela cura tenho quase todos os sintomas citados acima e o mais recente é o aumento da pressão arterial. Desde a primeira crise em 2011 tomo remédios controlado passo com psiquiatra,já fiz psicoterapia mas tive que parar devido a questões financeiras. Engravidei ano passado e tive muito medo de surtar na minha gestação graças a misericórdia de Deus isso não aconteceu, tive alguns episódios de tristeza ,ansiedade mas nada além disso. Tomei meus remédios durante toda a gestação e tinha muito medo da minha bebê nascer com problemas,mas Deus mais uma vez entrou com providências e minha filha nasceu bem e perfeita. Após uma cesariana de emergência tive minha princesa dia 22/02/16 dois dias antes do meu aniversário estava aliviada após o parte que tudo havia saído bem. Mas após chegar em casa passei a ter crises novamente muito piores. Cheguei a quase convulsionar passei muito mal minha pressão subiu, dores de cabeça extremas,sensação de morte,desespero o fato de saber que tinha acabado de ter um bb me deixava ainda pior sabendo que precisava me manter viva,oque seria da minha filha sem mim…3 dias internada exames de sangue,tomografia, nada recebi alta passei por dias horríveis ainda não estou 100% e acredito que Deus tem um propósito para todos nós e que no momento certo vamos compreender. Até lá desejo força a todos e que Deus nos abençoe

  • Ola gostaria de saber o porquê que quando algo da errado tenho vontade de morrer?

  • tenho 16 anos vou desabafar alguem me ajuda ? 13/03/1016 o dia que tudo começou ..eu estava jogando um jogo com meu primo eu estava triste mesmo não sabendo porque .falei para minha mae que estava triste ,ela pediu para meu primo sair do quarto para ela conversar comigo ele saiu e ela assentou do meu lado e eu falei :mãe to sentindo que vou morrer ..ai tudo começou o” PANICO” eu nao sabia que estava acontecendo na hora eu tinha certeza que eu ia morrer eu sai correndo pela casa toda .tomei um banho e nada de passar foi uma coisa horrivel sofri como nunca depois de um tempo deitei na cama nao sabia oque estava acontecendo depois de umas 3 horas fui no hospital o medico disse que nao tinha nada de errado comigo so meu coração que estava um pouco mais rapido e forte ai eu voltei para casa dormi acordei uma hora da manha tendo convulções ai minha mae me levou no hospital mais uma vez.. a infermeira disse que eu estava muito ancioso ai o medico meu deu um remedio la eu acho que era um calmante nao sei… ai voltei para casa ,minha mae dormiu comigo eu achava que nao iria acordar no outro dia eu tive convulçoes de manha me sentia fora do mundo era uma coisa muito forte me sentia fora da realidade como se nao estivesse mais nesse mundo sofri muito eu falei que queria perder o braço do que sentir aquilo que eu senti..um dia eu acordei de tarde sentido ””desanimo de viver ”’sim era o panico deixando destruição e isso nao é meu e do mauu.. o panico durou dias eu tinha medo de morrer o tempo todo para minha cabeça estava em outro mundo ”no dos mortos” por mais de 15 dias meu coraçao bateu forte e o panico continuava ….. os dias forão passando e eu fui melhorando de noite eu ficava bem ai foi passando os dias ai eu ficava bem de tarde e de noite au ja tava quase curado ”eu pensei ” ai o panico so passou a ser de manha quando eu acordava (um medo irracional de eu morrer de acontecer uma tragedia com minha familia ) sofri muito eu fui estudando sobre o que tinha acontecido comigo e descobri que a as convulçoes era uma crise de ansiedade gerada pelo panico .. quando eu achei que ia me curar veio pensamentos ruins durante dias… desde o dia do panico dia passei a rezar o terço todoos dias mas nada adiantava agua benta nada .. eu rezava pendindo a deus mais uma chance de virer porque eu achava que deus queria me levar eu falava isso com minha mae …coisas ruins cairam sobre mim … eu falava para minha mae que tinha medo de passar mal e morrer e realmente eu passei mal dia 06/04/2016 eu estava na sala lendo um livro do augusto cury e começei a passar mal e falei para mae me levar no hospital dessa nao era o panico era diferente muito diferente paracia que eu ia infartar meu coraçao bateu forte como nunca e rapido achei que ia desmaiar e morre como eu havia dito para a minha mae parecia que meu coração ia sair para fora sofri muito minha mae ficou a meu lado no hospital apertando a minha mão ALGUEM ME AJUDA sofri a pior coisa que o homem pode sofrer parai de ir na aula to rezando muito e os pensamentos ruins anda continuam sou bipolar e depois do panico a bipolaridade piorou hoje dia 08 fui dormir de tarde e acordei com um pouco de convulções estou com medo to tomando remedio e nada to com medo de deus me levar as vezes esse medo passa mas ta dificil de ontem para hoje acordei 4 horas da manha para falar com minha que deus queria me levar para algum milagre as trevas estão sobre mim sinto triste angustiado anciso mas sempre fui uma pessoa feliz me ajudem

  • Boa tarde a todos
    Ja tive síndrome do pânico, sofri desse mal durante 10 anos, e hoje estou totalmente curado desse mal, entendo eu que a síndrome do pânico é a soma de stress, traumas e insatisfação. Remédios antidepressivos ajudam a combater os sintomas, mas não cura! Posso falar com toda a certeza e veracidade que fiquei curado depois que busquei ajuda em Cristo Jesus, a síndrome do pânico ou Ansiedade genaralizada são problemas espirituais, alma doente, estamos vivendo num mundo aonde a informação hoje é quase instantaneamente, televisão, Rádio, internet, rede socias e etc… é muita informação, muito stress, muita violência, muita maldade e etc… creio que todos que sofrem desse mal, que esta lendo agora o meu comentário, ja foram a médicos, fizeram mil exames e os exames não deram nada. Enfim… e nem vão dar! O problema é espiritual, e problema espiritual só Jesus cristo nosso único e suficiente salvador pode curar, eu fui curado graças a Deus, eu tinha todos os sintomas e mais outros que não estão postados acima, sofri muito com esse mal, mas hoje estou liberto desse mal e quero compartilhar com vocês que o segredo é confiar em Deus, busca-lo, fazer suas vontades e crer que Jesus veio ao mundo para curar os enfermos, ressucitar os mortos, da vida e visa em abundância. Jesus não veio fazer você se tornar rico, jesus veio pra te salvar e te dar bem estar pra vc e sua família, não vim aqui pregar pra ninguém e muito menos falar de religião, vim aqui contar minha história, meus sofrimentos com esse mal e o mais importante revelar a vocês à cura! E quem pode te curar é Jesus Cristo. Só Ele, não à outro!

  • Leandro lendo o seu testemunho me deu muito animo. Tenho SP e de todos os sintomas o que mais me incomoda sao as tonturas. Meu Deus é muito doloroso mas sei que so o senhor cura, salva e liberta de yodos os males. A oração está me ajudando muito afinal tudo posso naquele que me fortalece fê em Deus

  • Todos vocês que têm esses sintomas fiquem tranquilos : É pânico ! Tenho pânico a dois anos, não tenho mais crises horríveis como antes, porém sinto sintomas isolados como falta de ar, ou dor no peito, nas costas etc! A única forma de começar a melhorar das crises é acreditar na medicina, e no resultado dos exames… Quando temos pânico, geralmente nossa mente tenta dizer que os médicos não acharam o problema de saúde que realmente temos, e que a qualquer momento podemos “morrer” por causa disso. esses pensamentos são típicos do pânico, entendam que jamais seu médico te diria que não é nada se ele não estivesse convicto disso. Fiquem bem e saibam que vocês não estão sozinhos, tem milhares de pessoas no mundo que possuem o mesmo problema que nós! Tentem manter a calma e acreditar que independente do quão horrível possa ser os sintomas, eles não podem te matar.

  • Oi gente!!! Neste momento estou sentindo um monte de coisas das citadas ai em cima, comecei com dor na barriga e comecei a achar que estou c alguma diença grave e agora passei mal, sentindo braços e pernas fracos…medo de ser um infarte…se continuar acho q vou ater em uma emergência! ?????

  • ola eu tbm estou assim eu sinto todos os sintomas que tem la em cima e outros que nao foram citados eu sinto uma agonia na cabeça fadiga os cansados isso se tornou diario mais tem vez que sinto uns sintomas fortes ai fico desesperada essa semana aconteceu um pior fiquei desesperada meu coraçao acelerou fiquei toda tremola ai foi horrivel comecei chorar achando que iria morrer o medo de morrer é constante e a fadiga na cabeça dor de cabeça aperto achando que eu to com um problema na cabeça por causa da sindrome do panico eu fiquei com problemas de pressao alta pq eu fico nervosa com medo a minha pressao sobe ai o medo é maiopr de ter um infarto e um avc ou derrame eu estou muito mal ja fui pro psiquiatra mais o remedio q ele passou eu nao mim dei com ele ai estou esperando uma nova consulta as vezes penso que vou enloquecer.. ta muito dificil mais peço muita força a deus….

  • Bom pessoal, fazem 2 anos q desenvolvi o síndrome do pânico. . Estou me tratando, mas mesmo assim eu tenho crises… todos os sintomas citados a cima.. e um q me deixa muito nervosa é quando ataca a minha visão.. deixa ela curvada e raios coloridos passo a enchergar! Muito triste, desespero. Mas creio q Deus irá me libertar de tudo isso, em nome de Jesus!

  • bom eu tenho isso faz algum tempo, mas era soh uma anciedade ateh q a pouco tempo tive meu filho e algumas semanas atras tive uma crise muito forte parecia q ia morrer de avc, ateh q cheguei no hospital e disseram q era sindrome do panico,,comecei o tratamento a duas semanas mais ainda sinto sintomas como suor, falta de ar e remor e formigamento e muito ruim mas acredito q vai da tudo certo para cada um de nois q deus abencoe vcs……..me add no face juliana agostinho…….

  • Oi Juliana! Deve ser muito difícil pra você. Eu ainda não tenho filhos, sofro muito com a sindrome do pânico. Tenho muita vontade de engravidar, mas tenho medo, pois sinto muita pressa, peso e aperto na cabeça é terrível. Sem contar o fato de viver nervosa pensando que tenho uma doença grave na cabeça

  • Olá! Eu estou na luta contra a depressão e a síndrome do pânico. Já fiz vários exames e Graças a Deus não deu nada. Alguém tem aperto como se a cabeça estivesse pressionada e pesada e quando vira a cabeça para os lados parece ue faz um barulhinho lá no fundo na nuca é uma sensação estranha fica quase 24 horas por dia. Peço a Deus que cuide de todos, pois é muito difícil.

  • Nossa.gente meu coração até se alegrou depois de ler todos.esses comentários e o pior é que só.quem.passa sabe como é HORRIVEL a sensação…
    Eu já tinha tido.uma crise de ansiedade e pânico….só.que como estava meio chapada achei que fosse onda ruim kkkk
    Mas como isso começou a acontecer com.alguma freqüência mesmo.quando estava sóbria comecei a me preocupar eu tenho.20 anos e moro sozinha ha uns dois anos…longe da minha mae e irma..
    Meu pai faleceu ha 2 meses e desde entao estou muito desequilíbrada…Sinto medo constante de coisas que nem sei direito,meu coração acelera tanto que parece que vai sair pela boca,minha mão treme muito e sinto.uma dor tao.forte no.estômago como se eu fosse vomitar,se eu estiver em pé é como se bstesse uma fraqueza e eu fosse cair ou desmaiar,na maioria das vezes acho que vou enlouquecer, que sou doida…preciso andar e respirar um ar puro…e o medo é o pior sintoma,acaba piorando tudo…
    Tenho medo também de ir trabalhar ou algo do gênero e ter uma crise e as pessoas não saberem como reagir ou acharem que sou doida…sou o stress em pessoa,as vezes nem eu me aguento…estou tentando me curar sozinha…mas vejo que preciso de uma ajuda de um profissional…porem já me senti bastante aliviada apos ler tudo isso…

  • Já fui ate ao oftalmologista achando que estava com.um problema serissimo de vista pois minha visão embaça muito,meu olho as vezes parece que estou com a pupila dilatada de tao ruim que fica….a medica disse que meu problema no olho era tao minimo que nem seria necessário óculos…. Ta tudo na mente galera..triste de mais…tenho ido na igreja pra conseguir manter o.equilíbrio…cada um se cuida a sua maneira…

  • Olá minha primeira crise de pânico foi qd eu tinha 25 anos, mas só soube q era síndrome do pânico anos depois. Hj tenho 58, fiz todos os tratamentos, tomei diferentes medicamentos, e fiz terapias de todos os tipos…passo temporadas ótima, mas um belo dia, lá vem ela novamente…com todos os sintomas citados nos comentários, juntos!!! Simplesmente horrível e inexplicável! A síndrome pânico não tem cura, só controle. ..crise de pânico pode ter, a síndrome não! Tomo medicamento, mas não me impede de ter crise, mesmo q raras. ..aí o sublingual é a solução. Só quem tem entende, mais ngm…apesar disso levo minha vida e sou feliz!

  • Meu Deus. Essa doença é uma desgraçada do inferno. É hortivel viver assim.

  • Sinto tos os sintomas acima nao sei o que fazer e quase todo dia ao final da tarde

  • Gente eu sofro com isso faz muitos anos, se alguém tiver uma doença eu já começo a sentir os mesmos sintomas, é horrível, eu nao consigo respirar direito, da impressão que eu vou cansar, aí já acho que estou com problemas no pulmão, é terrível so sabe quem passa, penso que vol morrer todos os dias, o que poço fazer pra me libertar dessa doença maldita?

  • Oi Pessoal! Exatamente as 06:40 desde 04:15 q estou acordada , simplesmente acordei do nada,sem sentir nada até a minha mente começar a achar q estava com dor no peito e que agora eu ia ter de verdade um infarto logo em seguida vem as dores atrás da cabeça e depois a vontade de ir no banheiro. É horrível estes sintomas . Mas foi uma bênção encontrar este site , li todos os comentários e comecei a sentir um alívio . Ontem passei o dia na emergência com dores de cabeça , na verdade há dez dias , fiz uma tomografia e não deu nada . Para aliviar as minhas crises quando acordo no meio da noite é ler na Internet como reagir a uma crise de pânico acredito que minha mente vai absorvendo que não é infarto nem avc e eu vou melhorando. Que Deus nos ajude pq não é facil. Fiquem com Deus! !

  • Bom dia DR. eu tenho transtorno de pânico,agora pergunto,é normal acordar com ataque de pânico?porque é isso que me acontece mais.

  • É só para corrigir o e-mail, o anterior não estava correto.

  • eu me sinto mal e não sei se panico as vesez sinto meu coração bater mas forte e medo e quietação .mas vem do nada as vezez eu tou bem e derrepente começa aquele sensação horrível de angustia dentro de mim e orrivevel as vezes e forte e só me sinto bem na igreja e quando louvo ao senhor e sinto minhas mãos suando e a pele tipo como se tivesse ardendo ou formigando eu já pensei em me matar por é orrivel essa sensação alguém me ajuda…

  • meu deos um dia meu coraçao quase parou por que eu fui joga animatroncs ai quando eles me deu um susto meu coraçao quase parou e eu tive que fica 40 dias internada nossa nunca vi isto nunca mais vou joga esse jogo idiota !!!!!!!!!!

  • Oi estou sentindo umas quentura por dentro do peito falta de ar..
    Oque pode ser

  • Olá pessoal a duas semanas começei a sentir eses sintomas começei a sentir falta de ar parece que a garganta trava nao consigo arrotar, nao consigo respirar totalmente tontura dor de cabeça às vezes acho que vou morrer parece que eu sinto o coração batendo na garganta e axo que vai parar, acelera de repente me dá um desespero acho que vai acontecer alguma coisa comigo, mas penso em Deus oro muito, e acredito que Deus vai me libertar disso que pd ser SP Deus e mais .

  • Meu deus… Quanta gente sofrendo com isso! 🙁 estou no mesmo barco e juro, tá cada vez pior.. Pq já estão sem paciência cmg, e não acreditam que as dores que sinto são reais.
    Mas, vamos ter força de vontade, vamos sair dessa!!!!!

  • Olá nossa vejo que não é só eu que convivo com isso a 5 anos fui diagnosticada com síndrome do pânico de la pra cá venho lutando dia após dias as vezes estou bem as vezes não tenho me controlar pq tem hora que acho que vou enlouquecer de vez ou que irei morrer não sei qual é pior o sintoma físico ou psicológico estou acabada do peço pra Deus tirar isso de mim pois ninguém nasceu com essa maldita s.p espero que assim como eu acredito que Deus. Cura e libertar todos que sofrem com isso?

  • Estou com crise de ansiedade faz um mês, tento me estressar o menos possível, as vezes sinto dor no peito, tontura, falta de ar, sinto q vo desmaiar, mas não desmaio, é péssimo isso. E li tbm q ela propencia as aparições de infecções, já tive uma intestinal e agora estou com uma urinaria q comecei o tratamento.

  • Bom dia são 4:10 da madrugada e acabei de passar por uma crise de pânico, tenho uma filhinha de um mês e esta bem ruim para mim….quem tiver o mesmo problema que o meu pesquisa no facebook Luis Gouvea e solicita amizade vamos conversar um pouco sobre o nosso problema..

  • sofro de sindrome do panico desde criança e agora com 30 anos estou preocupada, esta aumentando. Ninguém me apóia e acha frescura.

  • escrevi errado pois estou tendo crise neste momento.

  • Tenho 25 anos e fui diagnosticado com sindrome do panico. Tenho dores de cabeça , formigamentos ,medo de morrer ente outros . Mais so quem tem sabe como e dificil controlar seus pensamentos..

  • Já tem mais ou menos quase dois meses que estou tendo 10 dos sintomas elencados neste artigo, dores de cabeça diariamente, tontura diariamente, nas últimas semanas estou percebendo um cansaço incomum nas minhas pernas eu já acordo com este cansaço e isto tem me preocupado muito. Alguém mais tem o sintoma do cansaço nas pernas?

  • Oi então sou Alessa e tenho 17 anos me ajudou um pouco saber a historias de voce me indentifiquei muito com cada um eu sempre fui uma garota confiante e bastante inteligente aprender as coisas facilmente bo primeiro dia de trabalho so q a quase um ano eu comecei a sentir esses sintomas que e novo pra mim ja ouvir falar mais nao sabia que era tao serio e tao capaz de atingir o psicologico do ser humano sempre sinto pontadas na cabeca entre a nunca coracao desparando da um desespero que me faz sentir a falta de ar eu escrevendo aqui ja estou sentindo por isso pesquisei perto da garganta tem a aveia do coracao sinto bate muito forte essas aveias sinto um medo deseapero enorme de morrer e as vezes penso que estou com alguma doenca grave e isso me tras mais medo ver pessoas morrerem me faz sentir q a minha vez se aproxime estou desesperada pois nao quero ser dependente de remedio mais nao quero sentir mais isso quero ajuda nao tenho dinheiro como algumas pessoas tem tengo que enfrenar hospitais publicos e aguarda por senhas que me traz mais medo tenho muitas preocupacoes por nao conseguir emprego ta ansiosa com algo e nao saber com oque se afastar de pessoas fica na minha isso me torna bipolar e tenho bastante medo pois e orrivel sintos todos os sintomas parecidos alguns nao mais espero me curar em breve e foi bom entender oque eu realmente tenho e tenta vencer meus medos e busca a fazer novas rotinas q no meu caso ja difente quando eu saio me destraio e esqueco tudo raramente me da medo quando tento sair se distrair . eu vo durmi so quando tenho certeza que ja e seis da manha com medo de morrer de madrugada. E mt dificil superar mais valeo gente por aliviarem meu psicologico e me ajudarem a entender oque eu estou e que e possivel cura .

  • Ola pessoal, gostaria de saber se estas sensasoes que voces relatam ocorrem permanentemente durante varios dias ou é um turbilhao de sensasoes momentaneo? Tenho sentido varios destes sintomas diariamente, me parece que a cada dia aparece um novo, comecei há uns 11 dias, com tontura, nausea, dor de cabeça, espasmos musculares, dormencia na mao, um pouco de tremor., tem horas que tudo isso piora

  • Eu estou em tratamento com crise de ansiedade e pânico, tenho 41 anos e derrepente comecei a ter esses sintomas todos…
    Estou com 25 dias de tratamento, a intensidade das crises diminuíram, eram muito fortes e loucas, achava que ia morrer de infarte, derrame…
    Estou tomando de manhã oxalato de escitalopram e qdo começo sentir que vou ter a crise tomo alprazolam, o que me deixa preocupada que continuo com os sintomas, ñ sei se é porque tem pouco dias, mas esses sintomas são tão doidos que a gente quer melhorar logo!!!!

  • Boa tarde pessoal.
    Chorei oceanos ao ler todos os relatos……sofro de SP há exatamente 08 anos. Hoje estou com 42 e ainda faço tratamento com medicamentos. Adquiri o programa sem pânico em 2011, quando estava no ápice da síndrome. Me ajudou a entender que a crise não mata. Que tudo não passa de sensações corporais ampliadas….a partir de então, consegui controlar as crises, mas não os sintomas….em fevereiro p.p., resolvi parar com a medicação, por conta…mas em 02 meses, os sintomas voltaram (em 08 anos, senti todos eles, juntos ou separados, mas nunca sós)….consegui controlar a grande crise, mas não consegui evitar as sensações…adivinhem? voltei aos remédios….pior que eles não estão “zerando” os sintomas….nas ultimas 02 semanas, tenho dormido mal, tido pesadelos, suores noturnos (esses eventos ainda não haviam me ocorrido com tanta frequência) ….. Deus acima de tudo…..mas temos que fazer a nossa parte….obrigada por poder compartilhar com vocês…..ninguém está sozinho.
    Abraços

  • Realmente… há 01 mês sofro com essa SP…todos os sintomas estou sentindo principalmente dores no ouvido garganta parece q tem alguma coisa q doi p engolir as coisas…vista embaça tontura mãos dormentes suadas,dores de cabeça,no peito como se tivesse machucado entre os seios,pontadas,medo de morrer imagjnk

  • Realmente… há 01 mês sofro com essa SP…todos os sintomas estou sentindo principalmente dores no ouvido garganta parece q tem alguma coisa q doi p engolir as coisas…vista embaça tontura mãos dormentes suadas,dores de cabeça,no peito como se tivesse machucado entre os seios,pontadas,medo de morrer imagino var

  • Eu sofro tbm, com muita vontade de vomitar, estomago dormente, tremedeiras, dedos das mãos endurecem, sempre q saiu pra algum lugar vem esses sintomas, fico ansioso uns dias antes se eu tiver algo marcado, tipo um encontro, sair pra passiar, pegar conduçoes e é sempre quando estou indo e nunca quando estou voltando pra casa. Tive umas crises e fui parar no PS 3 vezes depois disso nem em casa eu me sinto normal, tenho q tomar clonazepam, se não a noite eu começo a passar mal. É horrivél, nao desejo isso pra ninguem, só quem passa sabe como é ruim.

  • Ler isso me tranquilizou, mas eu estou passando por um momento difícil demais. Creio que meus ataques estão sendo induzidos por cocaína, mas quando eu não uso a droga eu ainda tenho uma ansiedade que me domina. Eu devo ser retardado. Eu uso a droga, sinto 15 minutos de algo muito bom, até que meu coração começa a acelerar, minha barriga palpita, e começa a falta de ar, e fico durante 1 hora esperando a hora de morrer e tentando respirar… até que o efeito passa e eu uso a droga novamente. Uso pouquíssima cocaína. Uma pequena quantidade é suficiente para acontecer tudo isso. Tenho tido umas paradas no coração que parece que são extra-sístoles, pelo que pesquisei. Mas tenho medo de ir ao médico pois me sinto bem no dia-a-dia, na medida do possível. Além disso, não sou especialista mas não foi a cocaína que me trouxe ansiedade, e sim o contrário, mas o pânico deve ser causado pela droga. Enfim, não sei o que anda acontecendo. Sou inteligente, tenho um trabalho invejável e ninguém sabe que eu passo por isso e que estou toda hora pensando no meu coração batendo dentro de mim, toda hora mesmo! Devo ser retardado, usar cocaína sabendo que vou passar por isso, ou, como diz o artigo, eu já uso pensando em ter o ataque, e isso é bom, pois estou percebendo que não nasci para usar drogas. Maconha, inclusive, me causa a mesma coisa quando uso. Fica a dica: não use drogas. Quero parar (na verdade, todos os viciados querem, eu acho). Mas vou conseguir, porque eu não desejo ataque de pânico nem para meu pior inimigo!

  • Bom Dia!
    Nada sai da nossa vida sem antes nos ensinar o que precisamos aprender, que deus esteja com todos nos nessa caminhada.

  • Ola gente, tenho 28anos, aos 25 anos começou tudo ataques de ansiedade e pânico vivo com enxaquecas tonturas náuseas batedeira no coração não sei o que fazer fico triste porque ja tomei vários ansiolíticos e decidi parar hoje faz um mês que às crises aumentaram esto sempre com medo de tudo até de sair de casa.
    Não consigo fazer nada esto desesperada…

  • Tenho 19 anos e sofro de sindrome do panico desdos 14. Minha primeira crise foi no casamento do meu irmao, imaginem só, um momento feliz pra todo mundo e eu lá achando que estava morrendo. Os sintomas sao horriveis, palpitaçao, coraçao acelerado, falta de ar, formigamento, tenho um encomodo na garganta que sempre que aparece sei que mais uma crise ta chegando. Ja fiz terapias com varios profissionais e eu nao consigo levar adiante, passo em psiquiatra e frontal resolve meu caso. Sinto uma vergonha imensa de ter oq todos nós temos já que no começo o que mais ouvi era que eu queria atençao, que isso era frescura, que eu era preguiçosa demais, preguiçosa porque no começo meus sintomas eram tao fortes que nao conseguia sair de casa, desenvolvi agorafobia, estudava em casa, nao via ninguem, minha mae ate ia nas minhas consultas porque eu realmente nao conseguia, entao é duro demais nós ouvirmos que temos frescura quando na verdade estamos sofrendo, e eu sofria por uma coisa que nem entendia, “como eu posso estar com tudo isso e nao morrer, nao ser nada” é dificil no começo, muito dificil. Hoje em dia lido melhor com meus sintomas, já consigo “prever” uma crise e me prevenir, espero que um dia isso desapareça, pra todos nós.

  • Olá eu tenho 29 anos e comecei a ter os sintomas no ano de 2009. Os sintomas foram: Tontura, dor de cabeça, falta de ar, suor, despersonalização. Eu comecei a fazer vários exames e nada… Ia em emergências e nada. Comecei tomando sertralina e que foi horrível piorava a minha situação. Eu era guria minhas amigas queria me convidar para as festas e eu acabei largando o medicamento. Eu levava a vida com algumas crises mas não queria voltar a tomar remédios. Em 2012 tive duas perdas na família e aí começou a piorar as crises além dos sintomas citados comecei a ter espasmos terríveis parecia que eu iria saltar da cama. Fui procurar o médico e ele me receitou paroxetina que tomo até hj, mas não está mais fazendo efeito. Estou fazendo terapia que está me ajudando muito e vou procurar outro psiquiatra que a última crise que tive quando a minha boca ficou completamente torta e meu marido ligou para ele e o dr. Nem sabia quem era. Depois de um tempo ouvi só coisas ruins deste médico. Amanhã vou ver outro psiquiatra que eu estou tendo uns zumbidos e enjoos. Mas acredito que vou melhorar. Mas sei que cura não terei perdi a fé nisso.

  • sinto uma imensa agunia na cabeca q tem horas q ta d lado ai fica revisando ..tem dia q mi da vontade de coloca uma corda no pescoco e acaba com isso…sem fala na dormencia q dar ja faz dois anos nessa tentacao

  • Nossa, senti até um alívio lendo esses depoimentos, também sofro com a síndrome do pânico desde 2011, logo qnd meu filho nasceu. Depois perdi um primo derrepente, ele teve um enfarto, ai depois de 6 meses tive uma crise muito forte, fui parar no hospital. Senti meu coração acelerado, falta de ar, dormência e uma sensação estranha na língua. Fiz vários exames e todos normais. Depois disse sempre tenho algum tipo de crise, aprendi a controlar meus pensamentos, mas qnd sei q alguém morreu, volta td de novo. Sou evangélica, e creio que Deus vai fazer uma obra na minha vida, me trará a libertação que tanto almejo. Deus abençoe a todos! Vamos ter fé, que seremos libertos.

  • Classifico a síndrome do pânico como uma das piores doenças existentes,pois não é como um câncer que se tem o diagnóstico e o tratamento em seguida,essa doença detona a alma,diariamente, pouco a pouco,em certos momentos vc se sente forte p enfrenta-la porém é falso engano,ela te domina completamente ,te surpreendente é quando vc menos espera ela te devora,sinto todos os sintomas a cima e mais alguns,sinto fobia de lugares,pessoas ,tenho a impressão que vou morrer ,meu coração vai parar, tenho que ir p casa,é só chegar em casa a
    Os sintomas desaparecem como num passe de mágica. Não sei mais oq fazer a quem recorrer,to cansado de enfrentar essa máldita doença,ela venceu!me dominou completamente ,minha vida está sob o teu controle,especialistas crêem q uma palavra amiga e tal vai resolver ,porém não resolve, essa doença é traiçoeira me engana muito,nem mais a igreja consigo ir!só queria minha vida de volta

  • Oi , tenho 29 anos e já tem 2 anos q sofro vários destes sintomas, são apavorantes , e um sofrimento , e as pessoas não intendem q não tenho controle sobre isso . O q acho ser pior , as sensações vamos e vem em questão de minutos , por mais q tento me distrair mais não consigo , comecei um tratamento essa semana com o medicamento oxl. de isalopra e vou começar ir na psicologa. Espero melhorar e tbm espero q todos dos relatos aqui melhorem . Jesus Abençoe!

  • Olá eu to procurando ajuda para entender o que tá acontecendo, a poucos meses passei a ter crises depois da primeira onde fui parar no hospital agora tenho frequentes. Quando começo sentir falta de ar já sei q todas as outras sensações ruins virão e terei uma crise , sinto me sufocada dor no peito formigamento tremor dormência nas mãos tontura , boca seca, da sensação que os olhos estão arregalados e me sinto meio transtornada, sinto muito medo no momento de n ser um ataque de ansiedade e sim um problema de saúde.

  • eu tbm tenho esse problema de SP a oito meses estou passando por isso é muito ruim ,sinto q estou morrendo toda vez q acontece ,mais e sempre depois de muito estresse ….e uma sensação de q vc ta doente ou até mesmo fiquando louca ….meu Deus e horrível…muito ruim eai eu tomo rivoltril e o q me ajuda a controlar mas essa ansiedade…sinto dor no peito ,mas cortar e até no estômago…como se fosse desmaiar…mas estou me tratando e espero q passe ….

  • eu tbm tenho esse problema de SP a oito meses estou passando por isso é muito ruim ,sinto q estou morrendo toda vez q acontece ,mais e sempre depois de muito estresse ….e uma sensação de q vc ta doente ou até mesmo fiquando louca ….meu Deus e horrível…muito ruim eai eu tomo rivoltril e o q me ajuda a controlar mas essa ansiedade…sinto dor no peito ,nas costa ar e até no estômago…como se fosse desmaiar…mas estou me tratando e espero q passe ….

  • Gente, não imaginava que tanta gente passa por isso ? sinto todos os sintomas inclusive coisas ruins na minha cabeça, formigamentos no corpo, é uma sensação muito ruim! Mas que todos tenhamos fé em Deus que ele é o mestre de tudo e tendo fé nele isso vai acabar ?

  • oi pessoal eu também sofro desse mal eu já não aguento mais e uma dor no peito tontura enjou no estômago dor de cabeça um medo de morrer sofro desse mal a uns 12 anos desde o nascimento do meu filho peço a deus p/ me livrar desse mal .

  • Pessoal, qual especialista temos quer procurar para tratar esse trastorno? Essa sensação todos os dias é argustiante

  • Olá! Essa situação é terrível, eu estou sempre achando que tenho algo muito grave… já tive um periodo de sentir muitas coisas ruins na cabeça, agora vivo sempre com falta de ar. E tbm sempre tenho uns sentimetos desesperador na cabeça.
    Vamos pedir tranquilidade e a nossa cura a Deus.
    Sinto isso a 7 meses.

  • Ola

  • Tenho 19 anos já um tempo atrás já tinha alguns sintomas mas depois de um acontecimento piorou tenho medo de fica em casa pare se q tem pessoas me vijiando que vão me mata muitas caimbra aperto no coração umas pontadas na cabeca ansiedade e umas coisas muito estranha q ta acontecendo comigo .na minha familia 2 tias minha se trata SP e triste pq já vi elas dando uns ataque e tenho medo de isso acontecer CMG .vou procurar um medico mas urgente por sivel obgd TB a todos os comentários e a matéria pq tirou muito minha duvidas .

  • Que o medo e tao grande q fico com medo ate dos barunhos da rua fico escutando coisas q mas ninguém escuta como de pessoas andando no meu quintal barunho de tiros ultimamente ate fogos já me apavora.qualquer barunho já e motivo. Deu fica apavorada de dia eu fico mas calma mas quando chega de noite e quando começa os sintomas piores

  • Eu apresenta muitos desses sintomas, e dessas descrições que aí estao. Agradeço a Deus e a esse site que me ajudou muito a descobrir qual era o meus sintomas. Esse site me ajudou bastante mesmó…

  • Quase 90% deses sintomas eu tenho, o pior de tudo é quando agente acaba se isolando de tudo e de todos por causa deles e as pessoas que nos cercam em vez de ajudar , apontam o dedo pra dizer tolices que em vez de ajudar nos deixamainda pior

  • Oi pessoal! Tenho 35 anos e sofro desses sintomas desde os 20 e poucos. É muito complicado..tomo ansiolíticos e já passei por diversos remédios. Dizem que fazer yoga é muito bom e ajuda. Vou tentar. Fiquem com Deus!

  • Eu sinto quase todos os sintomas disso fais uma semana que sinto isso, tudo começou quando ia deitar e começou com uma falta de ar uma sensação ruim parecia que iria morrer tremedeira no corpo inteiro, fui ao medico e não deu nada, e agora só piora dormência na cabeça coração acelerado pontadas no peito queimação, agitação sem controle a pior sensação do mundo já passei no psicologo, e ela deu como SP aconselhou um remédio alivia muito. Se alegue a Deus que tudo isso vai passar Ore na hora que não estiver bem, clame ele pois ele Bom.

  • Olá! Tenho a SP desde os meus 16 anos, apos um perca muito dura pra mim, sempre parava em hospitais, realizei diversos exames, passei por diversos médicos, e sempre diziam que não tinha nada, foi ai que um professor meu, depois de ter passado mau na escola, me chamou pra conversar e me disse que todas as vezes que tivesse essa sensação ruim, era pra procurar fazer algo de que realmente gostasse, como por exemplo, ler, desenhar, ouvir uma musica, assistir um filme, etc. Então todas a vezes que sinto que vou ter alguma coisa, eu já corro fazer algo que eu gosto, penso em coisas boas, ai melhora. Hoje estou com 21 anos, não estou 100%, mas estou bem melhor que antes.

  • “Ainda me lembro de como tudo começou, a confusão de sentimentos, o medo, o desespero, a angustia e a agonia. No inicio não compreendia o que estava acontecendo comigo, ao longo desses dois anos e especialmente deste ano, tive a oportunidade de entender melhor sobre a síndrome do pânico e as crises de ansiedade, pude pensar melhor sobre a minha vida e possíveis causas. Mesmo depois desse tempo todo, mesmo depois de passar pelos piores momentos da minha vida, mesmo depois de ter momentos de paz e calmaria, anda sou atormentada pela ansiedade/agonia, é um sentimento tão ruim que é capaz de cegar, ela embaça sua visão e não te permite ver além do sofrimento. É como se dominasse seu coração e envolvesse sua mente, como uma neblina escura que não te permite enxergar o caminho. A ansiedade anula a esperança, a dor não prevê futuro e não permite possibilidades, ela é dominadora e controladora. É um grito calado, uma lágrima que escorreu sem a nossa permissão, é um nó estômago, é um incomodo que parece não ter fim.”

  • Oi pessoal tenho 16 anos sofro síndrome de pânico tenho medo de morrer vêm sensações horríveis na minha mente isso faz que eu pense algo e meu corpo obedece. Tudo começou quando vi um amigo morto e desde aí tudo me atormentou me tremia tudo gritava achava que ia ter infarto e todos sintomas do síndrome tento conversa com meu namorado mas ele não me entendi e fiz essa pesquisa e me sinto aliviada que não e só eu que passo por vamos vencer essa luta.

  • Estou ainda sem entender o que aconteceu. Ontem a noite ao tentar eu ficava sentindo como se fosse morrer ou cair de um precipício toda vez que começava a pegar no sono. É uma coisa surreal, não é psicológico, meu corpo sentiu isso. Tenho CERTEZA que só quem já teve isso consegue entender.

  • Oi meu nome e ariana tenho 31 anos tenho sp ha8meses nao to aguentanto mais

  • So jesus cura

  • Olá tenho todos esses sintomas tudo começou a 1 mês tenho crises tem hora q parece q não vou aguentar choro muito na mesma hora q estou bem já ficou mal é horrível estou fazendo exames.so Deus nessa causa

  • Sofro com o Pânico desde meus 19 anos hoje tenho 55, não aguento mais, antigamente corria para os Prontos Socorros, hoje meu panico tomou conta ate de eu ir a um medico,faço tratamento psiquiatrico,tomo rivotril 2 mg todos os dias, ja tomei varios antidepressivos mas para mim não adiantou,tenho despersonalização, no Banco,Supermercado,caminhando,dependendo o dia,minha nossa, fico tontura,falta ar,tudo isso,estou cansada mesmo de sofrer,pois para mim é sofrimentos, ja fiz,terapia,eletrochoque,terapia em grupo,hipnose,nada,nada disso me curou, o mesmo caso minha mãe ha 04 anos atras fui dar um copo de suco de laranja para ela no dia das mãe e ela infartou em meus braços foi fulminante,nao tenho coragem de ir no cemiterio , ela faleceu na hora em meus braços Senhor!!! e era Dia das Mães! tenha piedade de todos que passam por isso.

  • Amados, boa noite.
    Também sofro de síndrome do pânico há alguns anos.Os sintomas são terríveis, inclusive tive uma crise há pouco.Li alguns depoimentos…e o que tenho a dizer pra vcs é que a nossa cura está no Senhor. Ele tem me amparado todas as vezes que passo por uma crise.Foi após descobrir que estava com essa síndrome que passei a me firmar no Caminho.Tenho 29 anos e me converti em dezembro de 2011.Todas as vezes que eu tinha uma crise ia correndo ao pronto socorro…mas isso mudou de uns tempos pra cá. Aprendi que o meu socorro está em Deus. Pois é Ele quem está no controle de todas as coisas e é nEle que devemos nos apegar.Precisamos estar aliançados com Jesus.Quando a crise vier, se ajoelhe diante dEle e clame por misericórdia, Ele atende. Ele é maravilhoso, fiel, refúgio, fortaleza, socorro bem presente na hora da angústia…e palavras não seria suficientes para descrever a grandiosidade do Senhor.Jesus nos ama e tem um plano na vida de todos nós. Deus abençoe à todos!
    Boa noite.

  • ‘Porquanto somente Eu conheço os planos que determinei a vosso respeito!’, declara Yahweh, ‘planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dor e prejuízo, planos para dar-vos esperança e um futuro melhor.’ (Jeremias 29:11)

  • Eu já fiz vários exames e não dá nada, os sistemas citados acima, eu sinto quase todos, só não dór no peito e nem esquentaneto no corpo, as crises que eu sinto são terríveis. São frequentes eu sofro muito com isso! Tem 15 anos que eu tenho essa doença! Eu agora estou com 21 anos, eu nunca fiz um tratamento! Mim família não se preocupa com migo, ele falao que eu estou metido, que eu estou fingindo eu fico muito triste com isso!!

  • Olá. Há aproximadamente 2 semanas eu tive muitos espasmos noturnos. As minhas mãos e pernas chegavam a subir um pouco e depois desciam, me tirando o sono. Junto com isso eu sentia muita dor de barriga, uma dor incômoda e uma queimação no pescoço. Os sintomas pararam depois de 8 dias, porém, fazem 4 que estou sentindo como se uma mão estivesse apertando o meu peito, queimação atrás do pescoço e o coração está palpitando muito, principalmente quando vou dormir. Eu estou dormindo e repentinamente eu acordo com ele palpitando, e sinto as pernas formigarem, tremores leves nos dedos, o coração aperta muito, sinto um pouco de falta de ar e penso que estou tendo um ataque, só que eu tenho depressão e já tentei o suicídio, então, ao contrário dos ataques normais, eu não fiquei com medo de morrer. O que será que pode ser isso? :/

  • Glr tenho 18 anos sinto todos sintomas dês dos 15 anos faço tratamento e tudo mais eu sinto crises quase todos os mês minha crise e tão grande qui ja desmaiei várias vezes na rua hoje msm eu de uma crise tão forte num aguento mais ja pensei até em suicídio ja sofri demais

  • Eu dormi acordei com formigamento no braço acordei e nao conseguia falar eu falava as palavras tudo errada isso durou uns 20 minutos fiquei confuso oque posso fazer , acho que isso ocorreu porque fiquei muito nervoso .

  • Eu tenho 17 anos, e tenho síndrome do pânico, eu so tenho as crises quando saio de casa, e tento o máximo me destrair, começo a ler algo no celular, as vzs consigo me destrair..
    comecei o tratamento com o remedio recomendado pela minha psiquiatra, e estou no psicòlogo Tb.
    Ja me sinto um pouco melhor, o remedio ajuda bastante, mas tambem deve haver um esforço da pessoa.
    E tenho mt fé em Deus, q vou melhorar.
    Fiquem com Deus..

  • Tenho 24 anos estou passando por isso a cerca de uns 6 meses, está piorando, estou tomando um remédio chamado Pasalix mas parece estar ficando fraco, estou controlando com 2 Pasalix.

    Sinto falta de ar, extra sistole no coração, dor na lateral direita da cabeça as vezes, sensação de desmaio demais, isso ocorre simplesmente do nada, nunca cheguei desmair, mas a falta de ar e sensação do desmaio estão me encomodando demais.

  • A minha mae tem todos esses sintomas

  • Olá…..acordei hj as 3hs da manhã com o corpo todo tremendo e com muita falta de ar e sensação de desmaio. Procurei na internet este sintoma e encontrei este site que lendo todos estes depoimentos vejo que também tenho SP….
    Está me ajudando muito saber que não sou a única
    Fiquem com Deus

  • Eu tenho 22 anos desenvolvir a sidrome com 16 a ter que passar por uma situação tensa e de muito medo convivia legal com a doença mas depois de uma separação voltaou tudo de novo medo do medo , medo de sair medo de andar ponde eu andava como se eu tive-se um mapa onde posso ou nao passar medo ate de ser perseguida na internete o jesus fui a pisquiatra cv ela me receito os remedios mas depende muito de me ainda mas do que dos remedios , n e facil tem dias que so Deus

  • ola pessoal,tambem tenho sp,um sintoma q tive q eu nao vi ai e q quando tive sp uma vez meu corpo ficou anestesiado e meus bracos e boca entortaram,uma amiga minha minha q e bipolar me disse para mim tratar o mais rapido possivel pois se esperar achando q vai acabar sozinho e pior.

  • Estou sofrendo com isso há mais de 1 ano, tinha melhorado e agora voltou tudo pior, começou tudo por pressão no trabalho, fui parar no hospital fiquei internada 3 dias, fui medicada e melhorei, agora dessa vez tem aparecido muitas doenças na minha família, muita gente doente, então entro em desespero, só penso em morte e doenças, choro todos os dias, não aguento mais, minha gengiva anda sangrando já acho que é aids, fiz o teste deu negativo e não consigo confiar, dia 20 passo no psicólogo e mês que vem no psiquiatra, não aguento mais, acho que além de SP tenho hipocondria, estou muito mal.

  • Desde de Dezembro de 2015 , estou sentido meu braco direito e as duas pernas fracas alem de doer as pernas, desde esta data tenho mal estar todos os dias , ultimamente tenho vertigens e em alguns momento ansia de vomito, alguém tem estes sintomas ? , ja passei no psiquiatra tomo pondera 10mg um comprimido por dia.

  • Oi boa noite eu tenho síndrome do pânico e depressão é agora descobri que sou bipolar estou em tratamento psiquiátrico e a sensação é oriveu se alguém quiser conversar via watts (41)95534246

  • sinto todos, vivo num mar de ataques sao devastadores me ajudem

  • Amados, boa noite!
    Que a graça e a paz do Senhor Jesus Cristo seja com cada um de vcs.
    Eu já havia deixado um comentário no dia 19/08 compartilhando com vocês que também tenho enfrentado a síndrome do pânico e hoje, quero dizer-lhes que apesar do desespero que muitos de vcs tem passado, saibam que existe um Deus que é Todo-Poderoso e que está na porta do coração de cada um de vcs.
    “Eis que estou à porta e bato: se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele,e ele comigo.” (Apocalipse 3:20).
    Queridos, Jesus está à porta dos seus corações, deixem que Ele entre e transforme a vida de cada um de vcs, assim como Ele tem feito na minha. Quando tenho uma crise eu recorro à Ele, pois é Ele quem me sustenta.Sozinha eu jamais conseguiria.Tudo o que precisamos é encontrado nEle. Ele é a fonte de águas vivas!
    Ele quer que o conheçamos em intimidade e profundidade. Não só de ouvir falar dEle, mas de ter relacionamento diário com Ele. Buscá-lo sempre. Tenho tido experiências com o Senhor é a cada dia vejo o cuidado dEle comigo. Ele também cuidará de vcs, basta abrir o coração pra que Ele entre e faça morada.

  • Boa noite
    Graça e Paz estejam com todos vcs
    Estou sofrendo dessa síndrome desde o ano passado quando perdi minha irmã cassula por lupus
    Entao minha vida virou de cabeça pra baixo
    Nos primeiros sintomas eu não entendia o que se passava mais hj eu sei e é horrivel
    Ainda mais quando precisamos de ajuda e todos dizem que isso não passa de frescura
    Mais nós temos um Deus que cura que liberta que sustenta e em nome de Jesus vamos ser curados

  • Amém

  • Boa noite pessoal nunca tinha sentido isso tenho17anos onten anoite passei muito mal senti dores fortes no estomago e foi subindo pro peito não conseguir respirar nem falar fiquei desesperada achei que ia morrer chamei a anbulancia minha pressão tava alta fiquei com muito medo e hoje me consultei a medica me falou para bater raio x do peito e tomei um remedio na veia e ela me passou um remedio para tomar será que tenho sindrome do pânico?

  • Amados,
    Passando para corrigir a numeração do Salmo que escrevi logo acima:
    ” Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nEle e o mais Ele fará” (Salmos 37:5)

  • Também tive ataques de pânico o ano passado. Usei remédios por três meses que me acalmavam, mas não curavam. Parei com os remédios e quando as crises começaram a voltar, eu felizmente me curei praticando a meditação de um vídeo que vi no youtube chamado Desintoxicando de pensamentos venenosos, de Louise Hay. Foi incrível como eu consegui controlar meus ataques de pânico com aqueles exercícios de respiração quando o medo batia.

  • Ola pessoas, tive Sindrome do panico final do ano passado e tratei c sertralina com medicacao da tireoide e meditacao…assim recupera bem mais rapido do que tomar justamente clonazepan e afins que so serve p desligar a pessoa e criar dependencia. A meditaçao ajuda fortalecer a mente consciente e quando vierem quaisquer sensacoes, fobias e afins voce consegue apenas observar as sensacoes que ai passam. A meditacao ajuda nas questoes psicossomaticas se vc nao reage a mente inconsciente deixa de acionar reacoes fisicas…experimentem e melhor os cursos sao gratuitos claro que se vc fizer alguma doacao ajuda a instituicao
    Bom ver tiroide baixa tem exatamente os mesmos sintomas do panico
    Valeuu. Qqer coisa escreva
    A tecnica de meditacao chama se. VIPASSANA

  • Eu sinto tudo esses sintomas à mais ou menos 4 anos. É horrível! Já tive bem pior. No início, tinha crises 3 4 5 x ao dia e não saia de casa. Quando saía só com meu marido. Uma das piores sensações pra mim, é tremedeira, coração acelerado, respiração curta e difícil, vem um medo do estômago inexplicável!!!! Uma sensação que vou morrer sem motivo. Agr mesmo estava no Facebook e passou um vídeo horrível de um rapaz baleado no rosto. Nossa! Do nada veio uma sensação horrível , medo sei lá! Me controlei fui andar pela casa, falando pra mim mesma que aquilo era da minha mente. Porém as x oq me intriga é me chateia é que derrepente vem essas sensações eu estando relaxada e desfocada nos pensamentos da sp. Eu não quero tomar remédios alopaticos pois não quero viver dependente disso!

  • Olá pessoal, comecei a sofrer com a ansiedade aos 15 anos. Assim como muitos de vocês consultei diversos especialistas, fiz muitos exames, tomei muito medicamento controlado e a minha situação só piorava. Fui diagnosticada com depressão e posteriormente TAG. No início o medicamento ajudava, mas depois tudo voltava e ficava ainda pior. Paralelo a isso fui desenvolvendo os sintomas da síndrome do pânico, dos citados na matéria eu tive todos, cheguei a pensar em suicídio, mas não encontrei nenhuma alternativa indolor. Os médicos q eu ia não eram atenciosos e só me receitavam cada vez mais medicamentos. 9 anos se passaram até q eu procurei ajuda de um psicólogo, à partir daí tive uma melhora significativa, aprendi a lidar com a ansiedade e as crises diminuíram, porém eu ainda não estava bem, foi quando minha terapeuta me indicou procurar um novo psiquiatra, eu fui e com o acompanhamento das duas profissionais, fui diagnosticada com TAB, resultado, faz 3 anos que voltei a ter uma vida normal (agora eu tenho 30), nunca mais tive crise de pânico, continuo fazendo tratamento mas agora me sinto bem. O diagnóstico correto e o acompanhamento terapêutico são essenciais para a melhora do quadro. É preciso ter muita persistência, e se ir a um médico tomar remédio e não melhorar, troque de médico, hj em dia tem muito profissional q não está nem aí pro paciente, mas não desista é possível ter uma boa vida mesmo passando por todo esse sofrimento e é importante ter em mente que em muitos casos o medicamento é necessário! É melhor ter uma vida legal tomando remédio que não ter vida sem medicamento.

  • Sinto dores no braço esquerdo e dor no peito, é normal na Síndrome do Panico ??

  • Sinto todos esses sintomas. As informações e depoimentos desse artigo me ajudaram muito. Boa sorte a todos. Mirtes, Brasília DF

  • Tive todos esses sintomas, fiquei sem conseguir dormir, mas com a Graça d Deus q é o meu porto seguro e me encaminhou p o diagnóstico certo hj me sinto bem. Estou tomando escitalopam e vivendo debaixo das mãos d Deus, pois foi o próprio psiquiatra q me aconselhou dizendo q se vc confia em Deus ele te dará a segurança q precisa p vencer o medo.

  • comecei a ter crises de panico a anos atras depois de uma depressao resisti mas fui ao medico o psiquiatra me receitou uma medicaçao e tomo a mais de 8 anos mas ultimamente tenho sido acometida por uma grande ansiedade e ja nao sei o que fazer rezo tomo o medicamento mas mesmo assim ainda sinto alguns sintomas o que faço?

  • Também sinto vários dos sintomas citados é difícil conviver com isso.

  • Olá, eu tenho ansiedade e sindrome do pânico,quase todos os sintomas eu ha senti, é pior sençaco do mundo,nao desejo isso pra ninguém, só quem tem sabe o qnto sofremos, o medo d morrer é terrível. Fiz tratamento com médico, remédio não curava, só me deixava dopada, más qndo entreguei minha vida pra Jesus nunca mais tomei remedio, tudo mudou, hj posso dizer q tenho vida, e paz, só Deus é nossa cura e não há outro!

  • gente, a minha maior preocupação é a dor que sinto no peito, tem dias que me vejo a respirar fundo a todo momento, no trabalho, em casa, é muita dor gente, fiz exames e a dra disse k era ansiedade, realmente eu sou muito ansiosa, e tenho um tik de abanar um pé, mais isso começou depois da minha separação com o pai da minha filha, desde lá, sinto essas dores esse desconforto, é muito ruim, tem dias que não durmo, com medo de morrer e deixar minha filhota. infelizmente aqui ainda não tem tratamento para essa doença. Moçambique África. só Deus pode nos ajudar

  • Olá, ao um pouco mas de dois meses venho sentindo, esses sintomas, comercou com uma tontura e palpitação no coração, já fui em clínicos geral, otorrinolaringologista, e nada diz q e estresse, mas a pressão na minha cabeça não vai embora, tomo um remédio diminui depois volta a pressão, o coração disparando. Gostaria de saber se tem algo q melhore esses sintomas, ou q médico eu tenho q procurar pra resolver isso.?

  • Olá boa noite th 37 anos a mais de 1 ano tive depressão com SP passei por vários médicos tomei muitos remédios sintomas muitos ruins sempre fui uma pessoa agitada pronta pra tudo depois que tive td isso eu mudei fiz vários exames deu úlcera gástrica esofagite refruxo e uma baquiteria fiz tratamento td depois o médico pediu pra fazer uma nova indoscopia tenho medo de ir ao médico e descobrir algo ruim sinto muita dor abdominal dores nas costa ..sempre tive uma saúde ótima depois de tudo isso me encontro assim pensamento ruins tomo remédio pra dormir.É isso todo dia passo pra Deus me ajudar ….

  • Boa tarde gente!!!
    Bom, há quase 8 anos, qdo tive meu filho, começaram os sintomas de depressão pós parto… Na época, achávamos q ia passar, não busquei tratamento o q acabou evoluindo para sindrome do pânico… Hj tenho medo de muitas coisas e como li nos relato acima, acho q a principal é o de ter um ataque, morrer… Essas coisas.
    Já fiz tratamento cm psicólogos, o psiquiatra passou alguns medicamentos q decidi não usar…. Qdo passam as crises, não sei se acontece com vcs mas , me sinto um lixo! Culpada por ter essas sensações e na maioria das vezes choro bastante… Só queria sair rápido dessa situação é poder aproveitar ao máximo meu filho e marido!!!!

  • Gente sei como é dificil passar por isso tudo. Tive a primeira crise em 2008. E foi tão forte que desmaiei, depois disso timha medo de sair sozinha, bancos, viajar. Tranquei a matricula na faculdade. Passei por alguns antidepressivos agora tomo pondera e ansiolítico em casos de crise. O que me deixa mais triste é o medo da crise. .me tornei uma pessoa que qualquer dorzinha acha que é uma doença grave. .tive a primeira crise ao ser diagnosticada com lupus. E vejo que o que acontece com a maioria. Após tratar de6uma patologia ou morte na familia ou um trauma.
    O exercicio fisico nos nossos casos é importante. .assim como sair mais e ter acompanhamento psicologico. Ainda tenho crises qdo sinto algo por conta da lupus. .mas agora são cada vez mais raras. E 0,5 do ansiolitico termina com ela com 15 min. E acima de tudo. Tenham FÉ.

  • Ah esqueci de dizer. .não recomendo Pondera a Ninguem porque tento sair dele a 2 anos e o sintoma de abstinência é insuportavel. .o mesmo não aconteceu com outros antidepressivos que ja fiz uso. Bjos

  • Já tive algumas crises de ansiedade, fiz tratamento com citalopram, mas a mais de dois anos estava bem, até que ontem tive uma crise muito forte, fui para o Pronto socorro. Comecei a sentir minhas mãos sem.forca, em seguida formigamento nas mãos e bocas e depois parecia que não conseguia falar coisas lógicas, não conseguia falar as palavras que estava pensando, tinha certeza que estava tendo. AVC, mais os médicos fizeram eletro, aderiram à pressão e glicemia e falaram.que era um ataque de pânico. Estou muito assustada, não quero ter isso novamente.

  • Meu Irmão tem problemas de Convulsoes e ja vi varia vezes Isso Pode Ter CAUSADO ANSIEDADE Ao Passar dos Anos E Agora Sinto Todos esses sintomas descritos por voces Acima Tenho apena 14 anos Porfavor me Ajudem Esta Sendo Muito Difícil Por favor me respondam

  • Boa noite, eu tenho 21 anos e sofro de ataques de pânico desde que me lembro de gente, existes diversas situações que me causam pânico, por ter muito tempo que sofro disso, algumas situações que causam o pânico foram superadas, e sempre surgem novas, supero uma, ai aparece outra. Estou escrevendo isso na esperança de poder ajudar alguem a entender os seus sintomas. Hoje o pior sintoma que sinto, é uma dor pontiaguda no peito próximo ao coração, como descrito acima. Não faço uso de remédios mas tratamento psicologico à 6 meses, em parte ajuda muito, porém, a cada situação nova, o tratamento só consegue ser eficaz após algum tempo

  • Olá, tive síndrome do pânico e estou aqui para dizer que hoje estou curada. Façam o tratamento com os medicamentos corretamente, façam terapia e tenha fé. Preencham sua mente com pensamentos positivos e tudo vai se acalmando. As crises tem um certo tempo, depois passam, você não vai morrer disso, procure respirar calmamente e procurar alguem que tenha passe segurança e entenda a sua crise. Coloque Deus a frente de tudo isso e Ele irá te curar assim como me curou. Se quiser conversar comigo pode me mandar email, é bom a gente conversar com alguem que passa ou passou pela mesma situação, você não é o único no mundo a ter isso. A síndrome do pânico é uma doença como outra qualquer e tem cura.

  • Nossa estou com todos esses sintomas mais o que me incomoda é o coração acelerado falta de ar acho que estou morrendo vou quase todo dia pronto socorro não aguento mais tá muito difícil já fiz todos os exames não da nada mais eu sinto acho que vou morrer tão ruim que fico socorro o que faço não aguento mais minha vida acabou tenho animo pra mais nada passo mal quase todos os dias

  • Eae pessoal..! Tenho 19 anos . Vir desenvolver sindrome do panico com 16 pra 17 anos …. Eu fui no medico quando ñ tava mais aguentando ficava sentado e quando alevantava tinha vertigem minha visão escurecia e tinha muita palpitação. Hoje ainda tenho ansiedade (de vez em quando nem sinto nada ) porem já é normal pra mim. Porra ê Só ñ deixa o medo tomar conta de Vc , ou será que vc é tão fraco assim ??? Nunca tumei remedio , nunca fui no psiquiatra como o medico mandou . ( Eu sou mais forte que isso .VC È QUEM CONTROLA SUA VIDA ) Sei que o começo é dificil . Mais tudo isso vai passar é sô ter calma e esperar, seja lá como for. (Eu sou Ateu) Meu wppt 92981581552 si vc tiver com problemas eu posso tentar ajudar … Tamo junto

  • Olá, tenho 19 anos e desde maio para cá que ando a sofrer com ataques de pânico, sim que o meu coração vai sair pela boca, falta de ar, aperto no peito, imensa fadiga, dor em forma de picada e peso nos braços como se fosse um enfarte, incapacidade de relaxar e acalmar me e principalmente medo de enlouquecer ou morrer… já fui tantas vezes ao médico e fiz imensos exames e esta tudo normal comigo, ando na psicóloga mas sinto que não consigo recuperar e não vejo melhoras nenhumas… a minha família, namorado e amigos desvalorizam a situação porque o médico diz que é tudo psicológico e da minha cabeça mas não aguento mais isto e preciso mesmo de ajuda… Sinto que uma coisa que piora os ataques de pânico é o facto de eu estudar enfermagem e estar agora no 2º ano a dar as patologias todas e isso faz me pensar em todas as doenças e sintomas associados a elas e parece que as tenho todas… O que devo fazer???

  • Boa tarde!!! Tenho todos estes sintomas que a galera falou…. e fico com medo de morrer é pior tenho medo de tomar remédio pq sempre leio a bula a lasco. Estou fasciculções pelo corpo, já fiz eletroneuromiografia, tomografia e outros exames e nada….. gostaria de resolver isto. Pq fico pensando em repetir os exames. Não é fácil pq os os outros não dão credibilidade. Se alguém souber de uma solução nos avise

  • Eu comecei a sentir depois que a minha mãe morreu formigando pelo rosto as vezes dormência na língua e no rosto falta de ar medo de algo me acontecer pq moro eu e meu filho as pessoa que não passam e desejo que nunca passem acham que é frescura peço pra Deus todo dia força passei a tomar remédios pra pressão pq alterava devido eu fica nervosa achando que eu estava tendo um enfarto ou AVC as crises dão mas a noite e são as piores possivel

  • Perdi o medo do panico quando ele vem eu surfo na ansiedade ,acabei de ter uma crise e grande merda to aqui de boa ,vai enche outro panico eu to no controle sempre tive Deus é maior na minha vida jesus é meu Senhor e se você voltar meu amigo panico eu vou te domestica denovo seu merda .

  • Boa tarde, lí cada um dos relatos de todos e me sinto identificado com cada um de vocês porque meus sintomas são muito fortes, dores no peito, pontadas fortes no lado esquerdo, formigamento nas mãos e pernas, cambra e aperto na cabeça e poucas vezes vi que alguém reclame de dores nas costas fortes que refletem no peito, é uma doença que não desejamos para ninguém com um de vocês falou, eu sofro ha muito tempo e posso falar que têm um lado positivo, é o autoconhecimento que resulta de tudo isso, eu faço meditação que pego da internet de 15 ou 20 minutos e me ajuda muito, outra coisa a fazer é procurar grátis pela internet um método de um Inglês muito bom que se chama Método LINDEN, abaixem pela internet de graça e leiam o livro, aconselho, enfrentem todas essa situações com a cabeça levantada todos os dias, sabemos que não têm cura mas temos que aprender a conviver com ela e saber dominá-la. Muita sorte para todos nós.

  • Ola pessoal, também estou sofrendo muito, são noites e noites sem dormir, tenho medo de deitar na minha cama, pois quando deito e durmo, acordo com muita falta de ar, coração a mil, pressao alta, e aquela sensação de que vou morrer. É horrível, não sei o que faco mais…

  • Obrigado pro compartilharem suas experiencias, me sinto “melhor” em saber que não sou o único!

  • eu sinto como se fosse desmaiar muita fraqueza.dormença de um lado da cabeça beliscáo como agulhada.dor no peito.nos braços.falta de ar.desequilibrio.nausea…

  • EU VENCI A ANSIEDADE. A gente sente quando a onda da ansiedade está chegando. Então antes que ela crescesse eu fazia o seguinte. Tomei pasalix, que é a base de maracujá e também Seakalm, também de maracujá. Mas o que parava mesmo era fazer a respiração prâmica (é difícil, o peito fica rígido, mas com concentração é possível esvaziar e inflar a barriga). Outras coisas q fazia: Declamava uma poesia longa q havia decorado ha anos, pode ser letras de música. Fazia operações matemáticas. Sim. Multiplicação, divisão. Contava de trás para frente tipo 2876, 2875…. isso para distrair o lado do cérebro que produzia esses sintomas. Estimulava o lado lógico e de raciocínio. Há tempos nao tomo nada e as crises foram embora.

  • Eu passei por uma fase na minha vida complicadas e acabei tendo crises de pânico aos 24 anos tive a primeira, achei ajuda em livros de psquiatria… e consegui venceras crises da seguinte maneira: toda vez que a crise vinha eu respirava fundo dez vezes e contava calmamente as dez vezes…no final das dez respirações a crise já tinha passado…no início não foi fácil porém com o tempo percebemos que temos o controle da situação…sejam imperadores de suas vidas…queridos amigos…bjos e espero ter ajudado!

  • Estou passando por tudo isso e acho q não começou agora e sim há 5 anos atras qnd perdi mnh mãe de ataque do coração ela morreu dormindo e com um ano depois meu padrasto tmb se foi, mas os sintomas n estavam tao mais fortes como agora, é realmente uma sensação terrível estou tendo mui preocupações, familiar, financeiro, pessoal, prova da OAB, contas p pagar sem poder honrar devido eu estar desempregada e mui complicado creio q isso tudo m deixou mais anciosa p resolve-los ao mesmo tempo!É mui horrível é uma sensação a qual parece q vc vai morrer!N estou m tratando c médicos alias nunca fui a n ser em emergências d hospitais qnd da as crises faço exames e dar tudo normal eles ja falaram q e ansiedade e qnd entrei nesse site tenho quase certeza q realmente e isso!So q meu problema maior e q n tenho plano d saúde e tenho q m submeter ao SUS ai complica pq sei exatamente cm a saúde publica esta precária, por isso estou tentando vencer essa batalha sozinha pesquisando com esses tratamentos e dicas q tem n internet faço atividade fisíca, estudo, procuro amigos p conversar, filmes, escuto musicas e procuro Deus pois acredito veemente q so ele tem o poder de ditar nosso destino e nada e nem ninguem mais na face da terra, enfim, a meta e deixar a mente ocupada e qnd faço tudo isso eu esqueço e acabo n sentindo nada!O segredo é: quem tem cm conversar c médicos ótimo mas o poderoso q realmente vai capacitar esses profissionais p nos ajudar e Deus c sua infinita misericórdia, portanto procurem ele sempre!Orem tmb o salmo 23 pois e um balsamo divino! Ah e esse exercício da respiração tmb e mui bom!Fiquem c o pai e força p todos!

  • Olá meu nome é Raissa e tenho 20 anos , e me identifiquei com tudo ,oque está ali , sinto muita dores no peito todos os dias , sinto dores na nunca , formigamento , tontura , vista embaçada , é horrivel tudo doi , ñ consigo dormi direito muitm a insonia , quando estou conchilando do nada eu tomo um susto , é tudo tão horrivel, isso começou faz ums meses , e eu ñ sei exatamente o porq ,porem sempre estou nervosa, e quando forço meu corpo,doi mais ainda , sabe só queria ajuda . sempre peço a Deus que me ajude nisso , porq eu já não aguento mais .

  • Eu simplesmente sofro com isso há 27 anos e esse últimos meses venho sofrendo bastante é muito difícil mas não perco a esperança

  • Ola…Eu tenho a uns quatro anos a síndrome do pânico apesar de não saber que era isso, sinceramente acreditava que era algo pior as dores fortes de cabeça a terrível falta de ar uma aperto no peito e o coração acelerado parecia que ia sair pela boca fui em vários médicos fiz varios exames e sempre fui tratada como uma pessoa depresiva tomei tantos remédios depressivos sei que hoje eles já nem fazem efeitos mas, foi bom ser medicada por um psiquiatra que esclareceu que eu não tinha nada de grava era so uma síndrome de pânico e disse isso bem normal so que eles não sabem que quem passa por esse mau sabe que é a pior coisa a sentir mas , fico feliz de saber que tem tantas pessoas que passam pelo mesmo que eu e que vão ser as únicas a entender o que eu realmente passo então força a todos nos…

  • Olá, tenho 19 anos e sim me indentidifico com quase todos os sintomas.

  • Boa noite, tenho 22 anos e tenho 19 dos 28 sintomas! É desesperador, pois os sintomas estão comigo todos os dias o dia inteiro. As crises são esporádicas, e costumam ocorrer de madrugada quando estou tentando dormir ou a crise me acorda durante a madrugada e fico a noite toda mentalizando que isso é só uma crise e vai passar. Os sintomas basicamente são: tontura, pressão no peito, e na cabeça. E as crises ficam cada vez mais intensas, sinto uma tontura muito forte, como se eu fosse desmaiar, pressão na cabeça e peito, tremores pelo corpo inteiro, esfriamento no rosto, parece que eu vou infartar. Já fui pro UPA com uma crise dessas, e após avaliar os meus sintomas a dra percebeu que se tratava de uma crise de ansiedade e me instruiu a procurar um psicólogo. O que me tranquiliza, é saber que se trata de uma crise de ansiedade e não uma doença física e que não estou sozinha! Ler os relatos também ajuda muito.

  • Tenho quase todos esses sintomas e muito horrível qual médico devo procurar primeiro pra ver ci tenho cindrome do pânico

  • Boa tarde.

    Li quase todos os comentários, e de uns meses pra cá venho manifestando esses sintomas, são eles: Aperto e dores no peito, coração acelerado, barriga inchada, no caso abdômen devido aos gases, e dor nas costas, realmente é horrível, e os sintomas pioram durante a noite, pois não consigo dormir por causa disso. Já fui a vários médicos e os mesmos disseram ser ansiedade, devido terem medido minha pressão e esta estava normal. A primeira crise foi ano passado. A médica que me atendeu me receitou um remédio, Valeriane, da qual tomo . Realmente é uma sensação horrível, Os sintomas também se manifestam quando estou fora de casa.

  • Boa noite !
    Tenho sintomas de ansiedade forte e crises de pânico desde os 08 anos de idade.
    Já tratei por um tempo mas vi que não resolveu! Não sei mais o que fazer… Hoje tenho 16 anos de idade e os sintomas só pioram !!! Sinto basicamente todos os sintomas listados aqui e quando me acostumo a ele, aparecem sintomas novos e mais dolorosos…queria mesmo que matasse e não apenas torturasse assim…
    Essa doença é cruel que acaba com a vida das pessoas!!!!! Por fora pareço uma garota bem sucedida, feliz, bonita e de bem com a vida… Mas isso não passa de uma capa… Por dentro q mora o perigo.. A dor que vivi na infância.. No meu quarto a noite é que surgem os monstros.. E o pior é que ninguém nota…
    Já cansei de pedir ajuda.. O que me resta é ver no que tudo isso vai dar !!!
    ?????

  • Boa noite !
    Tenho sintomas de ansiedade forte e crises de pânico desde os 08 anos de idade.
    Já tratei por um tempo mas vi que não resolveu! Não sei mais o que fazer… Hoje tenho 16 anos de idade e os sintomas só pioram !!! Sinto basicamente todos os sintomas listados aqui e quando me acostumo a ele, aparecem sintomas novos e mais dolorosos…queria mesmo que matasse e não apenas torturasse assim…
    Essa doença é cruel que acaba com a vida das pessoas!!!!! Por fora pareço uma garota bem sucedida, feliz, bonita e de bem com a vida… Mas isso não passa de uma capa… Por dentro q mora o perigo.. A dor que vivi na infância.. No meu quarto a noite é que surgem os monstros.. E o pior é que ninguém nota…
    Já cansei de pedir ajuda.. O que me resta é ver no que tudo isso vai dar !!!

  • Estou tendo crise desde ontem com todos esses sintomas e pra piorar minha pressão sobe,nao consigo dormir pois fico tendo pesadelos e acordo passando mal.

  • A já algum tempo que volta e meia tenho uma sensação de desmaio e gengivas frias, hoje quando estava no curso a situação foi pior, pois de repente fiquei sem conseguir mexer, tive a sensação que ia desmaiar e fiquei novamente com as gengivas frias, fique tão confusa por não conseguir me mexer, deixei de ter noção de quem me rodeava e só chorei. Nesses instantes acho que nem consegui controlar a respiraçao, não sei o que me deu mas fiquei com medo de isso me dar de novo enquanto conduzo…

  • Olá, tenho 17 anos
    Com 12 anos eu comecei a ver o mundo com outros olhos, tenho traumas de infância, sofri mt bullying, sempre tive descontrole emocional, e tudo que acontece hoje, boa parte culpa do meu passado(ou por quê não consigo esquecer ??)
    OK, comecei a ter depressão e piorou a cada ano. E em 2014 eu passei a ter síndrome do pânico. Nunca havia sentido aquilo
    É muito estranho, tudo parecendo surreal, o agora me causa medo, a morte, principalmente, e msm tendo medo da morte, eu tenho da vida (biofobia).
    Nada tira da minha mente que a existência é ilógica, assim como morrer
    ( eu frenquentei igrejas, mas isso n resolveu meu problem,tanto q hoje não sou mais religiosa )
    Todo dia tenho ataques de pânico, e gente, é horrível. Fora as minhas tristezas profundas.
    Eu odeio minha vida. Minha dor de existir é imensa. Não vejo mais sentido em nada.
    Problemas familiares(mas amo minha família. Se alguém falecer-eu morro junto de tristeza)
    Auto estima no núcleo da terra.
    Enfim, só queria ter motivos pra sorrir. Já que tudo é tão efêmero

  • eu já tive/tenho todos os sintomas acima, sofro de síndrome do pânico desde os 12 anos apesar de nunca ter procurado um médico, no primeiro mês da manifestação da sdp eu quase fiquei louca, todo dia eu não conseguia me concentrar em outra coisa a não ser na sensação de pensar que eu iria morrer, acredito que as piores partes sejam a despersonalização (choro quando tenho isso, mas estou aprendendo a controlar) e os choques principalmente na cabeça e tals. Sei como é horrível, mas se Deus quiser eu me recupero disso, fico feliz de não ser algo pior, porém tem dias que sinto uma recaída e olha… fico nervosa, coração acelerado, só Jesus… rs! Boa sorte pra todos vocês.

  • Eu também tive 6 sintomas de síndrome do pânico.É horrivel! Desesperador! Curei! Estou curado ! Agradeço profundamente a uma oração budista , que é a lei que rege todo o universo.Recitem várias vezes essa 5 ,10,15,30 ,1hora… enfim até contentar o coração .Terás energia vital ,A solução está dentro de nós. Nam Myoho Rengue kyo…Nam Myoho Rengue…Nam Myoho Rengue… .Obrigado ao Doutor Daisaku Ikeda da SGI por ter me icentivado a orar o Nam Myoho Rengue. Por favor vençam ! Derrotam a síndrome.Todos vocês , cada um de vocês são preciosos tesouros o universo.Bom dia !!!

  • Olá tenho 15 anos, comecei a ter SP quando tinha uns 9 anos não sei exatamente mais eu era mais novinha. Enfim começou como uma coisa besta eu meio que escutava vozes sabe? E no começo não passava disso mais nesse ano a crise aumentou multiplicou eu comecei a sentir muito medo de morrer muito mesmo, medo de tudo depois começou as crises minha mão suar eu sentir mal estar tontura medo de desmaiar uma coisa loca. Mais isso tudo com frequência medo de dar um infarto ou sei la. De verdade isso é horrível eu ainda não fui no médico por que acredito que posso vencer isso! Temos saber que isso tudo vem da nossa mente sei que é dificil pois voce acaba deixando de fazer tantas coisas por causa dessa merrda de SP. Até dificuldade de tomar decisões na verdade isso impede de sermos felizes essa é a verdade por que a vida virá uma montanha russa, uma hora estamos bem e do nada estamos mal. Mais acredito que todos aqui tem capacidade de vencer isso fé em Deus, ele é os médicos dos médicos ❤

  • Boa noite. Fui diagnosticada com sindrome do panico, e logo após a primeira crise comecei a ter alergia… não sei exatamente do que, mas aparecem as manchas vermelhas que coçam e no outro dia elas somem. Mais alguém passa ou passou por coisa parecida ?

  • Tenho 24 ano ja faz 2 anos que tenho isso.Não sei o que fazer tenho crises sempre,só penso que vou morrer pq a agonia na cabeça e insuportável e desesperador .
    Vendo estes comentários vejo que nao e só eu,mas mesmo assim eu não mi controlo..
    Só Deus pode tirar isso mesmo da minha vida.

  • tem mais de 8 anos que sofro com isso mesmo tomando medicação tem dia que sinto muito sitoma ainda dos que vcs ralatão ja tive quase todos no momento o que mais ta mim tormentando e uma tosse muito forte e insurportavel acho que e sitoma esse não conhecia

  • Alguém
    Tem a sensação das veias estarem saltadas ? Quando tenho o ataque fico na noia das veias isso acontece com vcs ?

  • Olá pessoal,também faço parte desse time,sou extremamente ansiosa e tenho todos os sintomas listados a cima e vejo que vocês também teem os mesmos sintomas que eu
    Sinceramente não aguento mais isso,está ficando cada vez não difícil tenho isso a anos ja fiz vários tratamentos,tem umque foi mais eficaz que foi quando tomei paroxetina que é da família da fluoxetina so que é mais forte.
    Li a cima a história do Wesley e ele disse q faz uso de fluoxetina,Wesley fale com seu médico sobre a paroxetina é ótima, até vou ver com meu médico para tomar ela novamente até agora foi o tratamento que mais durou fiquei bastante tempo (anos) sem o problema, que so voltou após passar por problemas e muita preocupação e mudanças.
    Espero que todos nós possamos encontrar a cura para essa doença que acaba com a gente dia após dia.
    Que Deus abençoe a cada um de nós nos dando forças para passarmos por isso é encontrarmos um tratamento que realmente nos deixe livres desses sintomas horríveis.
    Que Deus abençoe e ilumine a todos nós.
    Forças pessoal não vamos vencer!

  • Força pessoal,nós vamos vencer!***

  • Olá!

  • Galera, tenho praticamente todos os sintomas, sei o quanto isso é terrível, mais tem cura! Você só precisa ter Fé em DEUS e procurar um bom psicólogo e psiquiatra que quem a gente vai conseguir em nome de Jesus!!

  • Tenho crises noturnas acordo do nada com uma sensação de morte inexplicável parece que estou morrendo só passa qd meu marido acende luz e fala comigo tenho muita fraqueza tbm e sensação de estar sempre estufada com estômago ruim pensamentos negativos e muita tristeza nao tenho mais alegria na vida.

  • Ter a impressão de que estava com minha mão inchada, uma só. Sempre fico desmaiando e voltando em coisas de segundos. Tenho medo de me levarem para o hospital o que já fizeram, eu acredito que quem tem um episódio de pânico só precisa que a deixem em paz e não façam perguntas ou não se mostrem preocupados pois isso agrava nosso episódio de pânico. Deixe-nos em paz. Nós lembramos de quase tudo que ocorre na hora do ataque, e depois dele, mas não temos como controlar. Não nos incomode. Depois de um relaxamento tudo volta ao normal. Qualquer pergunta nos incomoda e agrava pq percebemos que não temos capacidade de pensar. DEIXE-nos dormir.

  • Olá galera, sinto muito esses sintomas mas consigo controlar, uma das dicas que dou pra vocês, assistam o vídeo do pr. Silas Malafaia “APRENDENDO A ESPERAR EM DEUS”, , vocês vão controlas melhor a síndrome do pânico.
    Sua fé e confiança em DEUS é o melhor remédio.

  • Sim, sinto mais que quatro sintomas, um aperto no peito, meu corpo dormente, sensação de fraqueza incomodo no estômago dor de cabeça e sinto a sensação de querer ir no médico só lá eu vou saber que eu vou estar bem, eu caí de moto pouco tempo e eu acho que eu entrei em estado de pânico no momento senti isso depois que eu caí, fiquei internada e o médico disse que eu não tinha nada fiz check-up geral, e tava tudo certo.

  • estou talvez com os mesmos sintomas

  • Oi pessoal!
    Eu já sofro com isso á mais de 15 anos!
    E já tentei de tudo e todas as maneiras de acabar com essa síndrome e essa ansiedade!
    Não é fácil, mas hj eu aceitei q tenho isso e tomo medicamento! Melhorei muito,mas as vezes ainda tenho alguns surtos de ansiedade e de pânico.
    Mas sempre que eu sinto isso eu peço à Deus e ele sempre me livra desses sintomas.
    E assim eu vou levando à vida sempre com Deus!
    E vou pedir pra Deus pra livrar vcs todos desses sintomas.
    E nos vamos curar!
    Um grande abraço á todos e fiquem com Deus!

  • Olá gente.sofro de pânico a 20 anos.
    Não tenho uma vida normal ,mas tenho fé em Deus. Gostaria de compartilhar minha experiência quem sabe posso ajudar alguém ou eu mesma.

  • Ansiedade e síndrome do pânico muito ruim essa parada!

  • Boa Tarde !
    Estou sofrendo desse mal também . Sempre penso em coisas ruins . Tenho 32 anos , quase sempre estou no medico . Já fiz varios exames e nada . Tenho muita fé e creio que vou ser curada . Também pedi ajuda à pessoas proximas que vão me levar num psiquiatra .

  • Estou muito preocupada, acredito estar com síndrome do pânico. Eu acho que tive depressão Pós parto e depois disso começaram as crises. Meu trabalho é extremamente estressante, isso ajuda a piorar. Não consigo mais viver normalmente, os pensamentos ruins inundam minha mente, ardência no
    Peito, vômitos constantes. Passo horas olhando para o céu achando que o mundo vai acabar, não durmo direito, fui viajar e não aproveitei nada, medo insuportável do avião cair, de algo acontecer com a minha filhinha. Agora mesmo, não consigo dormir com medo do zumbido de um inseto. Ainda não procurei ajuda médica, pois tenho medo das medicações, não quero ser considerada louca, desejo todos os dias voltar a ser como eu era antes.

  • Sofri perdas e traumas na vida. Descobri que sofro de pânico. Sensação de infarto e pressão no peito logo que acordo. Coração em disparada, tremores e fraqueza.. Tenho muito medo. Medo de sentar no vaso sanitário e morrer.. Fico andando pela casa, ou fico na rua pra alguém poder me ver, caso eu desmaie.. É muito ruim. Já parei em hospital. É um sofrimento enorme. Tenho fé que um dia isso vai embora..

  • Eu sinto todos esses sintomas acima. Eu sinto dores no peito e atrás das costas,qualquer esforço que faço meu coração acelera e fica um incômodo,sinto tontura,visão embaçada principalmente em locais claros,trementina,sensações de desmaio, não tenho vontade de fazer mais nada,e eu só tenho 17 anos…
    Já fui várias vezes pro pronto socorro por esse motivo, e sempre me colocam no soro e me dão alguns remédios…
    Isso vem e volta, e eu penso que vou morrer de tão horrível que é. Eu já não sei mais o que faço… Já faz um bom tempo que estou assim, e tem horas que fica pior…
    Eu fiz muitos exames e não deu nada. Só que sofro de hipertensão… Só que ainda preciso fazer exames do coração pra ver… Isso é horrível, muitas vezes eu choro e tenho vontade de morrer de uma vez.

  • É a pior sensaçao do mundo! Eu sempre penso que todo dia é o ultimo dia de Minha vida! Panico de muita gente, sensaçao que eu nao estou viva e que meu corpo não é mais o mesmo, q nao estou em mim e que vou morrer na frente de todo mundo! Cigarro nessas horas nao é bom, ontem fui no aniversario de um amigo e quando acendi o primeiro cigarro comecei a achar q eu Fosse desmaiar, fiquei palida, comecei a sentir muito frio e comecei a virar muitos litros dagua. De repente bate e demora para passar. Me sinto desconfortavel perto dos outros quando isso acontece! As vezes penso que todo mundo está percebendo e quando é assim so quero familia perto. Fui ao psiquiatra e ele me receitou um remedio pela manhã e rivotril pra dormir, pois estou tendo dificuldades com medo de dormir e morrer! Quero que isso passe logo, medo de enlouquecer!

  • o0la boa tarde, qero conhecer o antipanico

  • Olá tenho tido cada dia um sintoma diferente….
    Todos os dias fico ruim…
    Não consigo fazer mais nada…
    E continuo preucupado sempre achando que é uma coisa seria …
    Um dia dor de cabeça ,o outro ânsia de vômito , o outro dor muito forte nas costas, o outro tontura …
    Quero ajuda

  • Sempre acho que é algo sério…
    E isso acaba comigo…
    Acordo no meio da noite passando mau..assustado…
    Fico cansado durante o dia , a noite não consigo durmir …queria ter certeza do que é se é Síndrome do pânico se é depressão… Deus nos Abençoe e Ajude.

  • Não sei se alguém me entende…
    Mas oque realmente me incomoda são os sintomas físicos…
    O medo é ruim tbm claroo…
    Mas os sintomas físicos ….

  • Se alguém quiser conversar !

  • Ola, sinto muita coisa inclusive medo , pois ja fiz tambem vários exames e deram normais, nao sei o q fazer a duas semanas q tomo Calmam , pois eh natural, mas antes tomava rivotril, mas eh pior quando passa p efeito !!! 😞

  • Alex eu sou igual a você,tudo eu acho que é algo ruim que eu tenho,isso chama -se hipocondria que é mania de doenças,é uma fobia,eu tenho Tag e pânico.

  • Oi Tânia , então mas sinto os sintomas físicos entende, ontem passei no médico ele me receitou Exodus 10 MG , comecei a tomar ontem mas senti bastante enjôo , mas espero que melhore….
    Só quem tem esses sintomas sabe como é…
    E me Apego em cima de tudo A Deus por que creio que ele é o único que pode realmente nos libertar disso…abs

  • Obrigado por conversar comigo Tânia…
    Qualquer coisa que eu puder ajudar tbm estou a disposição

  • Boa Noite
    Não sei oque fazer mais para me livrar disso sinto praticamente todos os sintomas a cima minha vida virou um inferno depois que tudo começou não aguento mais acordar e achar que e aquele o ultimo dia de vida ter meu corpo tomado por esses sintomas quero ter paz e voltar a ter minha vida de antes .

  • A 7 anos tive minha primeira sp, de la pra cá, faço tratamento com paroxetina, mas as crises chegam principalmente nas viagens, n consigo viajar em paz com minha família, parece que vou morrer, meu coração quase sai pela boca, tenho vários sintomas, qdo está mto forte não consigo nem falar, a voz não sai ou parece que não falo direito sabe. Mto triste isso.

  • OLÁ GENTE , PRIMEIRAMENTE DESEJO A TODOS SAÚDE E PAZ , A ALGUM TEMPO VENHO SOFRENDO COM TODOS ESTES SINTOMAS DESCRITOS ACIMA , TEM DIAS QUE A SITUAÇÃO FICA DESCONTROLÁVEL , ESTOU ME TRATANDO , TEM DIAS QUE ME ATACA A CRISE E DIAS (NORMAIS), MAS VOU DIZER UMA COISA A TODOS , COMEÇEI A PENSAR DA SEGUINTE FORMA , NA HORA QUE PERCEBO A CRISE PENSO COMIGO QUE SE ELA VIER , NÃO VAI ACONTECER NADA E VAI PASSAR RAPIDAMENTE , PENSO QUE ISSO É SÓ UM DISTURBIO DA MENTE E QUE NÃO VAI ME AFETAR EM MAIS NADA , POIS TODOS NÓS TEMOS UM DIA CERTO DE NOSSA PARTIDA DA TERRA , QUANDO CHEGAR ESTE DIA NÃO TEM JEITO , MAS ENQUANTO ESTAMOS VIVOS , VAMOS VIVER INTENSAMENTE E SE PREOCUPAR APENAS EM FAZER O BEM , AMEM AQUELES QUE ESTÃO PRÓXIMOS , CREIAM EM DEUS , TENHAM FÉ , PRATIQUEM ESTA FÉ , FAÇAM ORAÇÕES , CONVERSEM COM DEUS , ENTREGUEM SEUS CAMINHOS A ELE , POIS O QUE NÓS NÃO CONSEGUIMOS FAZER ELE FARÁ POR NÓS .

  • Boa tarde amigos(a) desde o final do ano que venho sentindo os sintomas, me bateu um disispero em meio a multidão, dali pra cá não tive mais paz sempre fiquei com a msm coisa na cabeça, alguém de vcs já tentaram fazer academia ou algum tipo de exercício???

  • Até o momento não estou tomando nenhum medicamento, somente chá de erva cidreira tem me ajudado

  • Ja tive sidromedopanico a 6 Anos toamava p temedio e quando sentia.se bem parava ae nao tomava mais.despois voltava de novo e fazia tudo ingual . Entao depois de tanto tenpo estou sofrendo muito a dois meses comecei o tratamento novamente. E desta vez estou sofrendo muito. Sinto muita coisa sou atleta jogo bola treino na academia.. e estou sofrendo com dores no peito. Acho k estou doente do coração ja eletro . Ja fiz utrason e mesmo asim depois d tanto tempo voltei a sofre de novo. Nao sei oque fazer. Parece que doe direto. Estomanggo peito tudo de ruin. Estou tomanto acertralina e rivoltril .025 oque fazer estou perdendo minhas forcas . Estava gripando e fui joga e fikei xe um jeito k nao toma nei água me engasgando ate com cuspe me engasgava nao sei oque faco …oque fazer..

  • Mais alguém sente tipo uns espasmos no corpo todo? Sinto tbm que a veia do pescoço fica muito forte quando deitado, tontura , e as vezes vontade de chorar. Isso a noite.

  • Sintomas vários sintomas dor no peito tobturador queimarão no corpo nervo banbo formigamento dentre outros

  • Ola! Meus sintomas são um pouco diferente .. eu trabalhava com meu pai desde os meus treze anos de idade , no escritório dele. com meus 17 anos eu já estava doida pra sair logo di lá porque não aguentava mais tanta pressão … ai sai trabalhei em outros lugares mas como eu não tinha compromisso com o relógio sai voltei pro meu pai , foi a pior escolha que fiz , desde então as pressoes tem se intensificado bastante .. eu estava a ponto de enlouquecer .. e tive q sair de lá .. agora quando vejo meu pai tenho vontade de sair correndo pra outro lugar só pra não ouvir ele . quando eu o escuto eu começo a me assustar fácil , começo a tremer .. é mto ruim .. acho que peguei meio q um pânico dle.

  • Ola meus amigos. Boa noite!
    Que bela iniciativa de criar um canal como esse onde podemos externalizar nossas sensações, encontrando em cada depoimento , mais força para vencer esse mau cada vez mais frequente nos dias em que vivemos.
    Antonio meu amigo, acredito que uma conversa com o seu pai lhe fará bem, colocando todas essas questões que te afligem e te perturba em sua presença. Já pediu ajuda a ele, para resolver isso?
    Daniel… Espasmos acomete pessoas com ma qualidade de sono, níveis de stress elevado, ansiedade. Hoje mesmo antes de escrever essas palavras , tive alguns espasmos o que contribuiu além da ansiedade e agitação, para que eu perdesse um pouco o sono…

  • Ismael, conheço alguém que teve os primeiros sintomas ha 10 anos atrás e que hoje voltaram novamente. Quando você passou por isso a primeira vez , conheceu os sintomas, viu que era algo bastante desagradável, mas logo ficou bom , parou até de tomar remédio não foi isso? Se tranquilize! Não vai ser diferente dessa vez.
    Durante essa experiência com essas sensações e sentimentos, pelo fato de fazer olhar pra dentro de mim mesmo , perceber e conhecer o que sentia, me fez notar comportamentos tanto mentais quanto físicos , que eu precisava melhorar. Isso me trouxe mais respostas e mais alivio …

Leave a Comment