Acabe HOJE com os sintomas que você está sentindo

10 Sinais De Uma Criança Ansiosa

Quais são os sinais da ansiedade nas crianças?

Muitos pais e até mesmo profissionais da saúde mental não vão notar os primeiros sinais de ansiedade em uma criança, porque muitas vezes os sintomas da ansiedade nas crianças são amplamente diferentes do que nós imaginamos. Os sintomas comuns da ansiedade geralmente não aparecem até a idade da criança ir para a escola.

Mas por que esperar?

E se você pudesse detectar os primeiros sinais e procurar ajuda para sua criança enquanto ainda dá tempo de evitar problemas maiores?

Existem alguns sinais óbvios de ansiedade nas crianças, como medos e fobias em excesso, mas também existem outros sinais mais sutis que indicam um temperamento sensível e ansioso.

Alguns disparadores precoces da ansiedade não são problemas relacionados a medo, mas sim problemas relacionados ao comportamento e processamento dos estímulos e sensações.

Crianças com problemas de processamento sensorial são muito mais propensas a terem transtornos de ansiedade também.

Muitas crianças vão ter problemas sensoriais e vão ser diagnosticadas com ansiedade quando entrarem na escola.

Uma intervenção no começo é a chave para os dois problemas — portanto é importante fazer uma avaliação com um profissional da saúde mental especialista em saúde mental infantil, junto com um terapeuta ou pediatra.

Abaixo estão 10 dos sinais mais comuns de ansiedade nas crianças (ansiedade infantil):

1. Medos E Fobias.

Em primeiro lugar, vamos apontar o sinal mais óbvio da ansiedade nas crianças — medos e fobias.

Crianças com uma personalidade ansiosa tendem a ter mais medo do que uma criança comum.

Uma criança normal também pode exibir alguns desses medos, mas o nível do medo que às vezes diferencia a criança ansiosa da criança não ansiosa.

Os medos mais comuns nas crianças estão centrados em alguns temas básicos:

  • Insetos, animais e pássaros.
  • Sombras e escuridão.
  • Monstros, criaturas e dinossauros.
  • Medo do banheiro (medo de ser sugado pela descarga, ou medo de insetos).
  • Medo no chuveiro (medo de ser engolido pelo ralo, insetos no chão ou na água).

Essa lista não é exaustiva, mas apresenta os medos mais comuns nas crianças e que seu filho pode ter.

Leia também: Sintomas Da Ansiedade Na Adolescência

2. Rigidez Na Rotina.

Toda criança pequena adora rotina e estrutura, mas crianças ansiosas não conseguem sobreviver sem essa rigidez e rotina.

Crianças ansiosas precisam de um dia bem planejado, de maneira bem previsível.

Se os planos mudarem de repente, essas crianças ficam completamente desgrudadas.

Crianças ansiosas não conseguem lidar com as mudanças ou transições, e frequentemente manifestam mau comportamento até com as mudanças mais simples que acontecem na rotina delas.

3. Sensibilidade A Barulhos.

Crianças ansiosas são mais propensas a terem alta sensibilidade.

Elas geralmente ficam mais incomodadas com ruídos no ambiente.

Elas podem ficar com medo de sons barulhentos como o caminhão do lixo, descargas automáticas e música alta.

4. Problemas Com A Roupa.

Além dos ruídos, as crianças ansiosas também podem ter problemas com a roupa que estão vestindo.

É comum crianças ansiosas terem dificuldade com a costura das meias ou etiquetas e botões na roupa.

Algumas crianças preferem vestir crocs.

Algumas crianças ansiosas se recusam a vestir calça jeans ou roupas que ficam apertadas no corpo.

5. Não Gostam De Sujar As Mãos.

Algumas crianças ansiosas ficam muito preocupadas com a sujeira — e tem medo de se sujar, especialmente medo de sujar as mãos.

Crianças ansiosas muitas vezes evitam lugares muito bagunçados e podem até mesmo ter um pequeno desmaio se as mãos ficarem sujas demais.

Elas muitas vezes insistem em lavar as mãos no mesmo instante que notarem alguma sujeira.

Leia também: Síndrome Do Pânico Em Crianças E Adolescentes

6. Elas Têm Muitos Rituais.

Crianças ansiosas tem muitas rotinas, que vão além do comportamento metódico.

Elas podem querer usar apenas determinados talheres ou podem insistir para os pais servirem a comida de certa maneira (por exemplo, apenas entre ângulos).

Elas podem ter alguma rotina antes de dormir que exige que você coloque os bichinhos de estimação de certa maneira ou exigir um pedido de boa noite de determinada maneira.

Elas podem fazer você refazer as coisas só porque não foram feitas na ordem correta que elas queriam.

7. Muita Exigência Com A Comida.

A maioria das crianças são exigentes com a comida.

Alimentação é uma batalha comum com as crianças.

Porém, a criança ansiosa coloca as exigências com a comida em outro patamar!

Crianças ansiosas são menos propensas a experimentar alimentos novos.

Elas podem exigir que ninguém toque no prato delas.

Algumas crianças ansiosas para de falar quando a comida tem alguma coisa que elas não esperavam.

Crianças ansiosas provavelmente vão escolher pouquíssimos alimentos para comer.

8. Elas Seguem O Pai Ou A Mãe Para Todo Lugar.

A criança ansiosa é a sombra dos pais.

Muitas crianças seguem os pais em pela casa, mas a criança ansiosa pode entrar em completo desespero se não conseguir ver o pai ou a mãe.

Essas crianças não saem dos pés dos pais e choram na porta quando os pais estão no banheiro.

Qualquer tipo de separação é motivo de pânico para a criança ansiosa.

9. Elas Demoram Para Ficarem Simpáticas Com Estranhos.

Crianças ansiosas não são muito amigáveis com estranhos.

Elas provavelmente vão ficar agarradas nas pernas da mãe e pode levar mais tempo para se abrir para pessoas novas nas vidas delas.

Algumas crianças ansiosas podem ficar sufocadas em multidões ou em uma festa de aniversário lotada, onde tem muitas crianças.

Leia também: 10 Formas De Parar A Ansiedade Rapidamente

10. Problemas Para Dormir.

Crianças ansiosas quase sempre tem problemas de sono.

Elas têm dificuldades para dormir sozinhas e querem o pai ou a mãe deitado do lado ou querem dormir com os pais à noite.

Eles podem acordar várias vezes à noite porque tem medo do escuro ou tiveram um pesadelo.

Algumas crianças ansiosas podem ter todas essas 10 características e outras podem até ter apenas algumas.

Cada criança é diferente e ansiedade pode se manifestar de diferentes formas nas crianças.

A boa notícia é que, quanto mais cedo você detectar ansiedade no seu filho ou filha, mais rápido você poderá aprender abordagens para ajudar a construir um nível de resiliência nelas e ensiná-las mecanismos para superar esses desafios.

Se você está preocupado com o comportamento do seu filho ou filha, consulte um terapeuta especializado na saúde mental das crianças ou um médico pediatra para avaliar a situação.

Crianças ansiosas tendem a ser as mais adoráveis.

Um temperamento sensível pode representar uma criança mais forte no futuro.

É importante fornecer às nossas crianças as ferramentas para superar a ansiedade, para que elas possam alcançar o potencial pleno.

Você tem um filho ansioso?

Compartilhe nos comentários do comportamento dela e como é conviver com ele.

0 comentários… add one

Leave a Comment