Acabe HOJE com os sintomas que você está sentindo

Como Um Introvertido Vive Com Ansiedade Social

Dor de estômago.

Um peso pesado no seu peito.

Sentindo que você não pode respirar.

Uma preocupação constante e implacável de que os outros pensem que você é estúpido ou chato.

A súbita vontade de fugir da multidão.

É assim que pode ser experimentar a ansiedade social como uma pessoa introvertida, de acordo com os introvertidos com quem conversei.

Para ser claro, introvertidos e extrovertidos podem lutar contra a ansiedade social, e nem todo introvertido é ansioso.

Embora muitas vezes sejam confundidos, introversão e ansiedade não são a mesma coisa.

Como eu explico no meu livro Como Superar Ansiedade Social – O sistema TAS™, a introversão é simplesmente uma preferência por ambientes calmos e minimamente estimulantes.

Se você se relaciona com esses 21 sinais, provavelmente é um introvertido.

O transtorno de ansiedade social, por outro lado, é uma “intensa ansiedade ou medo de ser julgado, avaliado negativamente ou rejeitado em uma situação social ou de desempenho”, de acordo com a Associação de Ansiedade e Depressão.

A introversão é um temperamento, o que significa que introvertidos provavelmente nasceram assim e permanecerão introvertidos por toda a vida (embora a pesquisa mostre que crescemos e mudamos).

A ansiedade social, por outro lado, é tratável.

Veja também:  Qual É A Diferença Entre Timidez De Ansiedade Social?

No entanto, é comum que os introvertidos se encontrem lutando contra algum nível de ansiedade social.

Pode ocorrer em qualquer reunião social, grande ou pequena, e às vezes sem rima ou razão.

Por exemplo, João, um introvertido que trabalha no varejo, me disse que a ansiedade social às vezes o obriga a fugir para a privacidade do banheiro, quando seu coração está fora de controle ao pensar em ter que interagir com estranhos.

Jacqueline, outra introvertida, disse que a ansiedade social ocorre quando ela está em uma multidão desorganizada, como em um concerto ou manifestação política.

O último evento do qual ela participou induziu um ataque de pânico sem fôlego que a fez fugir da “massa de corpos e pessoas” conversando com ela.

A ansiedade social é a pior.

Veja também:  10 Coisas Que Você Pode Fazer Para Melhorar Sua Ansiedade Em Situações Sociais

Por Que Não Estamos Falando Sobre Ansiedade Social

Embora cerca de 12 milhões de brasileiros adultos sofram de transtorno de ansiedade social, não falamos abertamente sobre isso, porque, como a maioria dos problemas de saúde mental, há um estigma em torno desse transtorno.

Numa sociedade extrovertida obcecada por atenção e charme, a ansiedade social não tem lugar.

A maioria das pessoas que não tem ansiedade social não tem ideia de como é realmente.

Como muitos que lutam com isso, me disseram para “fingir até conseguir” e “simplesmente superar”, até hoje não conseguiram me curar magicamente.

Como resultado de serem mal compreendidos, as pessoas com ansiedade social podem se culpar por suas reações.

Elas se perguntam por que não podem sair e se divertir socializando como pessoas “normais”.

Elas podem sofrer em silêncio ou se retirar do mundo, o que apenas piora as coisas.

Veja também:  O Que É Transtorno Da Ansiedade Social? O Que Causa Ansiedade Social?

O Que Os Introvertidos Com Ansiedade Social Desejam Saber

Em um esforço para trazer mais conscientização, pedi aos introvertidos com ansiedade social do grupo por e-mail, que me dissessem o que gostariam que outros soubessem sobre seu transtorno.

Aqui estão 15 coisas que eles me disseram:

  1. “As pessoas pensam que estou exagerando. Elas dizem: ‘É apenas uma apresentação simples’, mas para mim é muita coisa. Em vez de zombar de mim/nós, use a empatia. Não é fácil estar em nossa situação. Em vez disso, ajude-nos a aumentar nossa autoconfiança dizendo palavras de encorajamento”. – Aline 
  2. “Não leve para o lado pessoal. Inicie uma conversa e vou tentar manter essa conversa. Vai demorar um pouco, mas eu preciso de aquecimento primeiro para falar. Estranho, mas estar com meus alunos nunca é um problema. Talvez porque, em certo sentido, seja roteirizado, de acordo com o plano de aula”. – Ana Maria 
  3. “Gostaria que outras pessoas soubessem que não é tão fácil quanto ‘pare com isso’”. – Rosa 
    Veja também:  10 Coisas P/ Não Fazer No Facebook Se Você Tem Ansiedade Social
  4. “Gostaria que outras pessoas soubessem o quanto uma simples tranquilidade ou palavra amigável significa para alguém que luta com a ansiedade social. Coloque-se no lugar deles e seja sempre gentil”. – Angélica 
  5. “Gostaria de poder contar a mais pessoas sobre minha ansiedade social, mas me preocupo em ser rotulada como alguém com uma doença mental”. – Silvia 
  6. “Se estou falando rápido, é porque me sinto desconfortável e quero terminar a interação rapidamente para me poupar do desconforto”. — Renata 
  7. “Forçar-me a falar algo não é o caminho para me conquistar. Eu tenho que me sentir confortável contribuindo para uma conversa. A ansiedade social parece que você está prestes a ser perseguido por ser você mesma”. – Ticiane 
  8. “Gostaria que as pessoas soubessem que é apenas algo que eu não posso controlar. Além disso, eu não sou louco”. – Fernando 
  9. “Eu gostaria que as pessoas não esperassem que todos fossem alegres e extrovertidos, e eu realmente gostaria de não ser ridicularizado ou ‘terem pena de mim’ quando eu não aguentar mais e sair correndo da sala”. – Cristiano 
  10. “Gostaria que as pessoas soubessem que meu comportamento ou falta de envolvimento e sinais não verbais de evasão não têm nada a ver com eles. Eu gostaria que eles não se ofendessem pessoalmente quando estou atrasado ou pareço não estar envolvido ou distante. Estou realmente lidando com o intenso medo e tentando não ficar sobrecarregado e engolido pelos sentimentos de destruição iminente”. – Patrícia 
  11. “Só porque há momentos em que sou muito confiante e extrovertido, isso não significa que não luto por dentro com ansiedade e conversas negativas”. – Rodrigo
  12. “Não sinto necessidade de ser o centro das atenções em eventos sociais, e ‘quebrar o gelo’ parece falso e me cansa. Eu costumava ter dores de estômago e suores excessivos antes de sair, e odiava depender de álcool para baixar minha guarda. Agora eu me forço a ir a eventos, mas em bem curtos e bem espaçados, para que eu possa lidar melhor”. — Amanda 
  13. “Não é algo que simplesmente desaparece. É preciso muita energia para combatê-lo, então talvez eu não fique muito tempo nessa situação. Não apenas para fugir como um introvertido, mas a ansiedade pode fisicamente causar dor, então eu vou embora”. – Driele 
  14. “Ninguém pode fazer você sair dessa”. – Mariana
  15. “Gostaria que as pessoas soubessem que eu tenho ansiedade social. Então não precisaria mais fingir”. – Jane 

Precisamos começar a falar sobre ansiedade social.

Precisamos parar de agir como se não existisse e aceitar que é uma parte muito real da vida de muitas pessoas. Porque quando fazemos isso, abrimos a porta para mais compreensão e ajuda para aqueles que mais precisam.

0 comments… add one

Leave a Comment